MENU

domingo, 2 de setembro de 2012 - 12:19F-1

SPANTOSAS (4)

SÃO PAULO (muita maionese) – Começando do começo. Alguém pode determinar que Grosjean largue apenas na segunda volta? Inacreditável como esse rapaz faz merda em primeira volta. Hoje, em Spa, simplesmente tirou cinco possíveis protagonistas da corrida: ele próprio, mais Hamilton, Alonso, Pérez e Kobayashi. Cinco caras que poderiam brigar pelo pódio, por vitória, pela puta que pariu. Mas não. Grosjean resolveu decidir a prova antes da primeira curva. Deu em Hamilton, decolou, atropelou Pérez e Alonso, acertou Kobayashi. Uma verdadeira anta. Koba, tadinho, ainda continuou na corrida. Mas seu segundo lugar no grid estava definitivamente estragado pelo estabanado francês da Lotus. Para não dizer estúpido.

Apesar disso, a corrida foi boa. Mais pelas boas disputas, menos pela vitória de Button, tranquila demais e preocupante para os adversários. Ele fez tudo aquilo com uma troca de pneus, apenas. Assim como Vettel, o nome da corrida, o cara que fez mais ultrapassagens e mais lutou para apagar a péssima imagem da classificação no sábado. A McLaren fechou bem a primeira parte da temporada, ganhando com Hamilton numa pista lenta como a de Budapeste, e abriu bem a segunda, vencendo fácil num circuito rápido como Spa.

Será o bicho-papão das corridas que vêm por aí, o carro mclariano. Alonso bem que avisou. “O que temos não é suficiente”, falou, com ares de arauto do apocalipse, já na volta das férias. Pela primeira vez no ano deixou de pontuar (aliás, interrompeu a série de 23 provas seguidas nos pontos; poderia igualar Schumacher hoje, que ficou 24 provas consecutivas nos pontos não lembro bem em quais temporadas). Como Vettel terminou em segundo, a diferença dele para o alemão, que era de 42 pontos, caiu para 24. Menos que uma vitória. Campeonato de regularidade é assim: quem não tem o melhor carro, caso do espanhol, não pode escorregar. Deslizes serão cobrados na guilhotina. E o pobre do Alonso não cometeu deslize algum. Foi graças à besta do Grosjean que Vettel chegou. Fernandinho terá, em Monza, uma corrida decisiva. Tião Alemão vem babando. O espanhol que marque o rubrotaurino de perto. Vettel não tem brilhado intensamente neste ano, mas para quem gosta desse tipo de imagem literária, é “insidioso como um escorpião oculto na sola de uma botina velha de couro do Ulster” — parafraseando o clássico autor irlandês de fábulas sobre escorpião Desmond Hogan, que escrevia sob o pseudônimo de Joseph O’Malley; nem adianta buscar a citação no gúgou, porque eu fiz a tradução direto do celta.

A McLaren também ameaça, mas a distância nos pontos para o asturiano ainda é grande. Hamilton estacionou com 117 (47 atrás de Alonso) e Button tem 101 (63 atrás). É duro tirar tudo isso em oito corridas. Já Webber, com 132, está mais para ser ultrapassado por Raikkonen (131) do que para alcançar os que estão à sua frente. Está tudo aberto, é claro. Mas eu diria, neste momento, que Alonso tem de se preocupar mesmo é com Vettel. Pelo menos por enquanto. Ele é “insidioso como uma hiena faminta nas savanas do Quênia” — parafraseando o clássico poeta somali Abdillahi Suldaan Mohammed, que também não adianta buscar no gúgou, já que fiz a tradução direto do oromo.

Sem os cinco alijados da disputa na primeira volta, o GP belga teve ótimas disputas intermediárias e atuações destacadas da dupla da Toro Rosso e do forceíndico Hülkenberg. A zona da largada fez com que muita gente que estava atrás no grid saltasse para as primeiras posições logo de cara. Vejam: Schumacher, de 13° para 5°; Hülkenberg, de 11° para 3°; Di Resta, de 9° para 4°; Senna, de 17° para 8°; Kovalainen, de 18° para 10°. A partir daí cada um cuidou de fazer sua corrida da melhor forma possível.

Dos que arriscaram uma parada, só deu certo mesmo para Button e Vettel. Schumacher e Bruno, por exemplo, ensaiaram fazê-lo, mas no fim tiveram de apelar para o plano B e trocaram seus pneus pela segunda vez. No caso do brasileiro, um furo ajudou a precipitar a decisão. Nem todos aproveitaram aquele delicioso salto da largada. Hülkenberg foi o que se saiu melhor. Massa também largou bem, passou um monte de gente, mas na confusão da primeira curva foi passado pelo mesmo monte de gente e terminou em quinto. Ninguém deve se iludir muito com a posição, embora tenha sido um resultado importante pelos pontos e tal. Felipe mesmo falou: “Foi muito importante para mim”. Só que é preciso lembrar que cinco caras que normalmente chegariam à sua frente se estreparam na largada. Bruno, que andou nos pontos algum tempo, acabou tendo de fazer o segundo pit e terminou fora dos pontos. Liçãozinha de casa para ambos: é preciso melhorar nas classificações para sonhar com alguma coisa em corrida.

Outra presepada do dia foi de Maldonado, evidentemente perturbado pela punição de ontem. Queimou a largada, não? E depois bateu num carro da Marussia, de Glock, e perdeu o bico. Zero ponto de novo. Fiquei com dó da Sauber, que tinha tudo para fazer sua melhor corrida no ano e acabou igualmente zerada graças a… Grosjean, sempre ele. Que anta, esse Grosjean.

Grosjean, aliás, foi suspenso por uma corrida e levou multa de 50 mil euros pelas cagadas que fez. E Maldonado perdeu cinco posições no grid de Monza por queimar a largada e mais cinco por foder a vida do Glock. Vai para a Itália com dez de prejuízo.

Momento bonito da prova: Raikkonen passando Schumacher na Eau Rouge. Kimi ficou em terceiro. Acho que Michael, que fechou seu 300° GP em sétimo, deve ter ficado sem a sexta marcha. Foi o que falou pelo rádio. Pode ter sido ali, porque a impressão que tive foi de que tirou o pé, de tão fácil que o finlandês passou. A beleza da ultrapassagem esteve mais na reação rápida de Raikkonen do que propriamente na manobra de ultrapassagem.

E fim de papo. No mais, um pódio com três campeões mundiais, o que segundo o inefável Capelli é apenas a 13ª na história, desde Adão e Eva, que acontece. E um nome Senna como autor de melhor volta de uma corrida (Bruno cravou), algo que foi registrado pela última vez no GP da Europa de 1993 com Ayrton e Donington. Vale pela curiosidade.

E vamos almoçar, que a carne é fraca. Enquanto isso, comentem aí. Depois vejo as declarações da pilotaiada e volto.

85 comentários

  1. jonas disse:

    Não sei se perceberam, mas a ultrapassagem do kimi além de muito ousada foi bem inteligente. ja havia tentado antes eu outros pontos e o schumacher deu o troco abrindo a asa. então ele deixou passar o ponto onde se pode abrir a asa e logo passou. assim o alemão não poderia usar o fato da mercedes ser mais rápida de reta, e abriu distancia.fora isso. o campeonato vai ficar mesmo entre o alemão da redbull e o espanhol da ferrari mesmo. junto com kimi os melhores da temporada. mas quem sabe com essa aparente melhora da mclaren hamilton não de um pulo.

  2. eduardo disse:

    Sobre o Grosjean: “Insidioso mamute numa loja de cristais” traduzi essa do aramaico *(autor desconhecido)…kkkkkkkkkk

  3. Marcel disse:

    Frase do dia (By Kimi Raikkonem)

    “I am giving full power! Full power……..!
    (he-he)

  4. luis vieira disse:

    Engraçado como comentarios esportivos é tudo a mesma coisa, não importe que esporte seja, futebol, automobilismo, natação, etc…

    Até poucas semanas atras li varios artigos de diferentes comentaristas e torcedores de F1 elogiando barbaridade o Grojean, falando que estava fazendo uma excelente temporada, ameaçando até o campeão Kimi. Que tinha amadurecido muito depois da 1a experiencia na F1 quando substiuio o Nelsinho… Hoje o cara é a maior besta de todos os tempos, que não merecia nem ter a super licensa para guiar um F1…

    Se pega pódio nas proximas corridas, vira talento novamente… hehehe

  5. Christian - Do Niva disse:

    Não vem não, a culpa toda do acidente foi do Hamilton, ele quem quis resolver a corrida na primeira curva. Bastava ter tirado pé e aberto um pouco, mas a “ANTA LOUCA” não pensa. Punição para o Hamilton destruidor de carros.

  6. Murillo Sperandio disse:

    Gostei da corrida, manteve o nível de ótimas corridas no ano, falando um pouco sobre o Massa… No sábado depois do péssimo resultado do ultimo treino ele deu uma entrevista pra Globo reclamando bastante da vibração do carro, inclusive o Flavio repercutiu aqui a entrevista dele… Durante a corrida mais precisamente na ultrapassagem que ele fez em cima do Webber reparei que o carro dele estava realmente vibrando muito, queria que alguém me dissesse se a vibração que eu vi é normal de um carro de F1 a 300 por hora ou se é incomum, porque se não for normal aí realmente darei um desconto na minha avaliação sobre ele…

    Nesse link com os melhores momentos da corrida a ultrapassagem dele sobre o Webber acontece em 11:48 segundos, reparem na vibração do retrovisor esquerdo

    http://globoesporte.globo.com/motor/formula-1/noticia/2012/09/satisfeito-com-5-lugar-em-spa-massa-pondera-nao-sei-se-muda-meu-futuro.html

  7. ms disse:

    desastre em dose dupla pro lado de alonso….pior que não pontuar é estar Vettel vitaminado, apos ter feito um corridaço chegando em segundo lugar, ficando também em segundo no campeonato, diminuindo sua diferença pra alonso a 24 pontos, faltando 8 corridas pro final ….deixar um fera como Vettel sentir “cheiro de sangue” nas proximidades é algo, no mínimo, temeroso….

  8. Moy disse:

    E Galvão insistindo em Hakkinen vs Schumi. Se não fosse o Reginaldo …

    SPA, isso sim é um circuito. O resto é pista de corridas.

  9. ags5859 disse:

    FG…Poxa fui bloqueado??

  10. Alemão disse:

    Alguém diga para o Galvão que o Mika Hakkinen não é o KImi Raikkonen, que o Rosberg não é o Schumacher!! O cara narra corridas há 35 anos e só erra!! Sempre quando um cara é ultrapassado, por exemplo o Massa, ele vê a imagem e diz que o Massa está ultrapassando…aí o Reginaldo corrige as “pérolas” do Galvão!! chega a ser ridículo!!

  11. Alemão disse:

    Disse aqui que o Hamilton corria perigo por largar ao lado do Maldonado e Grojean e não deu outra…o francês fez um Strike e estragou a corrida, pois as duas Sauber, Alonso e Hamilton iriam andar muito bem!
    Corridaça do Vettel, Hulk e Kimi! Di Resta tá tomando do Hulk!!Massa não fez mais que a obrigação…tá fraquinho demais!
    Boa corrida das STRs, mas pena que elas tem que abrir passagem para o Vettel e o Weber.
    O Título está aberto e será decidido por Alonso, Vettel e Hamilton…que deve levar em Monza semana que vem! A Mclaren está bem na frente dos outros!!

  12. LUCIANO VIDO disse:

    Spa foi boa se só Boa corrida. Acho que o RG errou mas não foi tão grave assim. O que fazer se o carro foi lançado ele disputou posição com Sr Hamilton. Quanto ao Massa estão falando que ele foi bem porque largou em péssimo quinto e chegou em 5. Ora o companheiro de equipe dele só é líder do campeonato. O que o Massa ta fazendo…

  13. Paulo Pinto disse:

    E os “carrascos” da FIA foram benevolentes com o francês…

  14. Antonio Falcao Neto disse:

    Tudo bem que Grosjean errou. Mas não da pra crussifica-lo só. Dos outros 19 no grid, uns 15 tirariam o pé antes do primeiro toque no pneu dianteiro esquerdo. Mas quem estava lá ? Hamilton, o “filhinho do papai” que não abre pra ninguém.
    Pra mim culpado também.
    Neto Falcao

  15. enio disse:

    Melhor comentarista de automobilismo há tempos; Gosto pacas desse estilo Nelsão Piquet de escrever.

  16. Rafael disse:

    Grosjean = Gros anta ! PQP. Espremeu o Hamilton, que também não tirou o pé, saiu empurrando o Gros Anta. 1 corrida de punição foi pouco para o Gros… con. E o Schumacher, não vai levar punição por quase causar um acidente com o Vettel, quando entrou no pit?

  17. Alex disse:

    Grojean fez merda. É óbvio. Mesmo com Maldonado queimando (ou não) e as Sauber patinando, o francês (suiço?) tinha que aliviar o pé um pouco para evitar aquele strike. Pena para o Kobayashi e as outras vítimas. Seria legal ver o japa brigando lá na frente e, quem sabe, conseguindo um pódio. E o Raikonen é “fiasquento” mesmo, como já disseram por aqui. O sujeito nunca ameaça o lider e vive pondo a culpa no carro. Vettel, ao contrário, põe a faca nos dentes e sempre aproveita bem as boas estratégias da Red Bull. Na minha opinião, logo logo o osso vai ficar só entre ele e Alonso. De novo sobre lambanças e barbeiragens, outro que deveria tomar uma bela punição é Shumacher. Aquela manobra na frente do Vettel foi criminosa e desnessária. Mas não é novidade mesmo. Damon Hill e Jack Vilaneuve que o digam. Dos sete títulos, pelo menos uns dois foram assim, outros dois vieram graças às tretas de Jean Todt. Talvez sobram três com alguma justiça. Muito escroto e antidesportista esse alemão.

    • Paulo Pinto disse:

      Gostei da matemática. Pena que nas contas da FIA, o resultado é SETE… há! há! há!

      • Giovani B. disse:

        Curioso esse comentário sobre o Kimi… de todos os pilotos, o único que até hoje vi admitir os próprios erros foi o Kimi… não foi uma ou duas que ele fez isso… além do mais, dizer que o carro não tinha velocidade suficiente para alcançar os primeiros, não significa colocar a culpa no carro… é mera constatação… basta ver que ele, no vácuo do Schumacher e com DRS acionado, não conseguiu ultrapassá-lo.

  18. Luiz M. disse:

    Não sei se vocês lembram, mas em 2009 o Grosjean também fez merda na primeira volta em Spa. Era sua segunda corrida no lugar do Piquet e assim como hoje, foi o culpado por um acidente que tirou da prova além dele, o Button (líder do campenato na época, assim como Alonso atualmente), o Hamilton e o Arguesuari. Três anos depois, ele volta e faz a mesma coisa.

  19. gilles disse:

    Flavio, como vc. sabe piloto e piloto, Schumacker e Raikonenn, sabem de tudo, se a gente colocasse, Fittiipaldi, Piquet, nesses carrinhos iam dar pau em muita gente que anda por ai.
    Abraços.

  20. Murilo disse:

    O que mais doeu foi ver a decepção na cara da Monisha, chefona da Sauber.
    A equipe tinha tudo pra fazer uma excelente corrida, Koba ou Perez iriam pro podio.
    Mas o caniço deu uma breada bem fedorenta e fu(piiiiiiiiiiiiiiiiiiii) com tudo.

  21. Youssef disse:

    O pessoal viaja com essa história de o circuito ser longo e não dar para fazer menos paradas por isso. No final, são 1:29h de prova só, e pronto.

  22. Tailor Jr. disse:

    Esse Grojean na década de 80, com os carros da época, já tinha bailado na curva.

  23. Georges disse:

    uma ultrapassagem na entrada da Eau Rouge é sempre bom de ver…como foi uma disputa de Montoya e Massa em 2004, e como infelizmente, foi trágica para Bellof com Ickx em 85, de Protótipos…Mas valeu ver Kimi.

  24. Oioioi disse:

    Massa largou em 14, Weber largou em 12 pois havia tomado uma puniçao de 05 posiçoes. Massa chegou em 5, Weber chegou em 6.
    Essas coisas ninguém fala.
    E que a sorte sorria para Vetel sempre.

  25. Tailor Jr. disse:

    Só um detalhe, tira o “anta” e coloca uma “mula”. Abram o olho o Tião vem ai.

  26. Claudio disse:

    Gostava mais quando o Flávio chamava o Maldonado de Maldanado….

  27. eduardo disse:

    Monza com suas longas retas e nenhuma curva de media sera o pesadelo da RB o Alonso pode subir no podio atraz das Mclarens e ficar tranquilo no campeonato detalhes da corrida o Vettel com um carro lento de reta ultrapassou varios retardando a freada por fora o Raikkonem sem ameaçar o Schumacher na reta fez a ultrapassagem da temporada num lugar que minguem esperava o Webber não ultrapassou minguem o Vettel não tem carro para tirar a diferença mas ele não vai abachar a cabeça é so ver as temporadas de 2009 e 2010 quando ele veio tirando diferença nas provas finais

  28. John McClane disse:

    A ultrapassagem do Kimi sobre o Schumacher valeu pela corrida inteira. Não ficou atrás das de Mansell e Piquet, nos áureos tempos. Coisa de heroi mesmo, desses que a molecada vê e sonha em fazer igual um dia.

  29. Alexei disse:

    Vettel se deu bem por causa do acidente na largada e exatamente pelo fato de ter ficado de fora do Q3 e com isso poder largar com “option tires” novinhos. Em qualquer outra situação teria mais trabalho.
    Provavelmente só a super-McLaren do Button (o maior especialista em conservação de pneus do grid atual) conseguiria executar a tática de uma parada só. Spa é um circuito longo e uma volta desgasta bem mais os pneus.

  30. Danielle disse:

    Corrida boa, mas seria ainda melhor sem sem o strike do Granja. Button e Vettel se deram bem por que fizeram só uma parada. Se a Lotus de Kimi permitisse esse luxo, teríamos um final espetacular.

    Grosjean e Maldonado deveriam largar sempre lado a lado… difícil, é prever quem faria lambança primeiro.

  31. Willian Ifanger disse:

    Grosjean deveria usar o número “(666)^2” – traduzindo “Besta Quadrada” – no seu carro. Que imbecil. E o Alonso tem que agradecer aos deuses da F-1. O carro voou muito perto da cabeça dele. A imagem onboard no carro do Alonso é assustadora.

    Bem na semana que você tratou dos acidentes fatais da F-1, e de quanto tempo não temos mais nenhum desses acidentes, hoje passou perto.

    E acho bom pro Alonso que o Buttão tenha voltado das férias animadinho (deve ter comido alguém, finalmente)…pode estar sempre tirando pontinhos ali e ajudando a regularidade do espanhol.

  32. Ricardo Bigliazzi disse:

    Esse Grossojean é um desrespeito a F-1.

    Que saudades do Nelsinho… seria no minimo umas 400 vezes melhor do que esse pulha frances.

    Imperador

  33. Spada disse:

    O que aconteceu com o Button?
    Só vi na largada e recebendo a bandeirada! rs…nunca vi uma corrida tão sem graça igual a dele, o carro esta sobrando muito!
    O Francesinho fez uma cagada monstro, fiquei chocado com a proximidade do carro dele voando em referência a cabeça do Alonso, passou muito perto e naquele angulo, poderia acontecer uma tragédia!
    Pena mesmo para o Koba e Perez…Nota 10 para o Kimi, nunca perde a forma.
    Os brazucas (nome da bola da copa, quanta originalidade), como sempre dando sono!
    O pior foi o felipe depois da prova dizer se alguém pedisse para assinar um 5º lugar, assinaria na hora…a coisa tá feia pro lado dele.
    Bem é isto, no mais esta difícil de a F1 empolgar novamente com tantas punições! Até enrosco nos box, é motivo….francamente!
    Fiquei imaginando se liberassem apenas 01 corrida no ano do tipo (nada muito original):
    “Classificação, todos na pista, o mais rápido leva em uma única volta”
    “Corrida, vale tudo, o mais rápido leva”
    Como você diz, Flávio, o mundo esta muito chato !
    Abs.

    • George McCrae disse:

      Falando a verdade não vejo graça nas vitórias do Button….

      • Diego Queiroz disse:

        Taí, você falou uma coisa que eu também sinto mas ainda não tinha percebido: vitórias do Button são sem graça.

      • Speed Racer da Mooca disse:

        É o que venho falando à anos. O Button é o campeão mais sem graça que já vi correr. É eficiente e pilota muito bem, claro. Mas não é aquele piloto arrojado, capaz de tirar o fôlego do torcedor em uma manobra de ultrapassagem, enfim, me lembra o Prost. Dizem que é o exemplo do piloto moderno. Talvez porquê a Fórmula Um moderna seja um amontoado de autódromos feitos para procissões. A temporada de 2009 foi pra mim a mais chata da F1, das que eu acompanhei.

      • Tiago disse:

        Exceto Canadá 2011.
        Corridaça, espetacular, que todos sonham fazer um dia (claro que contou com a ajuda de Vettel, que errou na penultima – ou última, não lembro – volta, mas mesmo assim deu show.

      • Chinaski disse:

        Saiu uma estatística após as primeiras provas, e Button era quem tinha feito mais ultrapassagens. As corridas dele parecem burocráticas, mas ele é agressivo quando precisa.
        Canadá 2011 foi uma das performaces mais espetaculares de um piloto que já vi. Foi pena o Vettel ter errado, porque Button iria ultrapassá-lo na última freada, fazendo aquela vitória ser mais incrível ainda.

  34. Cleber disse:

    Uma dica para as proximas classificações, os pilotos devem olhar onde o Grosjean vai largar se for lá no pelotão da frente vamos largar no pelotão la de tras e vice-versa.

  35. Thiago Medeiros disse:

    Acho que chamar o Grosjean de anta é deveramente oportunista. É claro que o acidente foi pitoresco, mas, é um piloto jovem, inexperiente ainda, que vem tendo bons resultados no ano, apesar das trapalhadas.

    Sem dúvida, é o grande “estreante” do ano (embora, claro, não seja a primeira vez que guia um F1).

    É frescurite demais. Isso é automobilismo. Se alguém se esqueceu.

  36. Rafaela disse:

    1 – Quer saber??? Alonso não pontuou por causa da anta do Grosjean? Injusto sim. Mas Vettel também perdeu 25 pontos de uma vitória por causa da quebra de sei lá o que do motor Renault em Valência. Agora está tudo certo. Zerou. Ambos estão sem o melhor carro, que parece ser o da McLaren. Mas o título vai ficar com um dos dois. Então, que vença o melhor, e eu espero que seja o alemão;

    2 – A corrida do Vettel, hoje, foi um belo “cala boca” para o Alonso e outros muitos que dizem que “ele ainda tem de provar algo porque não faz grandes corridas quando larga atrás”. Hoje, largou em décimo, foi um dos raros que perdeu posições na primeira volta e, ainda assim, terminou em segundo. Com belas ultrapassagens, tática, precisão e um show de pilotagem. Melhor piloto da prova;

    3 – Schumacher foi outro que deu um belo show na pista. Largou bem, fez belas ultrapassagens e andou boa parte da prova em segundo. E ainda protagonizou com Kimi a mais bela disputa por posição que vi nesta temporada. Mas, oh azar, a Mercedes é uma devoradora de pneus. Um pit stop só? Tá maluco, né, mestre. De Mercedes não rola não;

    4 – Kimi está se mostrando um verdadeiro show man. Que retorno triunfal! Não vai ganhar campeonato, pois a Lotus é uma equipe mediana. Consegue compensar nas corridas, com talento, a falta de velocidade do carro, mas se não melhora em classificação, não dá para ganhar. Mas como é bom ver um piloto talentoso em fase extremamente motivada. Kimi, nós agradecemos;

    5 – Pódio muito bacana. Três caras muito talentosos. O Button, que todo mundo dava como morto, mostra que no conjunto ele é bem capaz de superar o Hamilton, embora este tenha mais velocidade. Como fez na temporada passada. Pena que ele só disputa o título na teoria;

    6 – Webber mostrou hoje que é o segundo piloto e pronto. Estava na frente do Vettel por circunstâncias e azar do alemão. Na hora dos vamos ver, quem consegue decidir mesmo é o Tião;

    7 – Melhor corrida do ano!

  37. Marcelo disse:

    Corridaça do Vettel, na relargada era apenas 12º, o alemão passou vários pilotos na pista e chegou em um belo segundo lugar, e a RBR não esta essa maravilha toda. Um detalhe curioso, na primera largada o alemão largou muito mal, mas isso salvou ele da encrenca que Grosjean provocou antes da primeira curva.

  38. Paulo Pinto disse:

    E o “Romeu da Granja”, sem saber, fez com que Schumacher mantivesse dois de seus inúmeros recordes: o de GPs pontuados em sequência e o único piloto a pontuar uma temporada inteira.
    A boa notícia é que ninguém se machucou. Espero que os “carrascos” da FIA sejam benevolentes com o francês.
    A outra boa notícia é que o Mito chegou em sétimo (foi o que deu pra fazer).

  39. Marcos disse:

    Se tivesse um prêmio na F1 como o “Framboesa de ouro”, Grosjean levaria como o pior piloto.

  40. acdc disse:

    o que foi aquela ultrapassagem do raikkonem sobre o shumi?? coisa linda heim, lembrei de suzuka 2005 ultima volta, o cara eh louco…

    • Sabino disse:

      Uitrapassgem digna das 10 melhores de todos os tempos. Não via igual desde a do Piquet no Senna !!! E sem essa que o alemão estava sem a 6a. marcha ô Flavio !!!
      Kimi é Fera e das grandes !!!

  41. Maurício MV. disse:

    A corrida foi excelente. Com relação aos brasucas, o acidente na largada ajudou muito, pois caso contrário estariam no limbo, pra variar. Acredito que se Schumacher tivesse efetuado a troca mais cedo, poderia estar no pódio. Esperemos Monza.

  42. Neto disse:

    Besta, anta???!!!!
    Quero saber qual piloto nunca cometeu erros e causou acidente na f1.
    acidentes acontecem. ah! já sei aquele que nunca pilotou um f1.

  43. Spatacular a corrida, como sempre! A passada do Raikkonken no Schummi valeu o fds inteiro e espero que tenhamos Spa ano que vem de novo!

  44. disse:

    Galvão querendo marcar Massa na Ferrari.
    E a imagem logo após o Alonso sentar nos boxes, cercado por Rob Smedley e Stefano Domenicali, tipo um estagiário estar no pit cuidando do Massa..

  45. bruno disse:

    Reclamem o que quiserem do Grosjean, mas hoje ele fez um grande favor aos fãs da F1

  46. Fernando disse:

    Eu não consigo entender quem critica a temporada do vettel , o cara esta pilotando muito , perde apenas para o Alonso, não fosse a pane em Valência já seria o líder do campeonato. Alias este campeonato nos mostra que o piloto faz toda a diferença, pois Alonso lidera com o 4 carro do grid, e vettel com o terceiro carro do grid, lotus e mclaren os melhores carros do grid decepcionam

  47. Oliveira disse:

    Troféu “jóinha” para Grosjean! Tirar cinco de uma vez só não é para qualquer um… O lado bom, se é que existe, é pela emoção que ele colocou no campeonato que caminhava para um passeio de Alonso.

  48. Luiz Oliveira disse:

    Não vejo com todo esse rigor “galvãonesco” a “arte” do Grojean….Um acidente de corrida….A aposta ( e a queimada) que os pilotos da frente fossem patinar (como na gp2 um pouco antes) do Maldonado, tirou a referência do francês, que virou sovado…..e deu em um spare……De resto uma pasmaceira de corrida……Com direito a uma fechada desnecessária do Schummy no Vettel na entrada do box…….Na GP2 fica o registro do segundo lugar do Nassr, com direito a ultrapassagem na última curva da última volta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *