MENU

segunda-feira, 12 de outubro de 2015 - 15:12One question

ONE QUESTION

Alguém pode me dizer do que se trata? O Ricardo Divila mandou. “Siempre te amaré” é a única dica.

15 comentários

  1. Fabiani C Gargioni disse:

    São nossos “HERMANOS” Argentinos ligados demais ao automobilismo !!!

  2. Roberto Fróes disse:

    Parece novela ,e não filme.
    Interessante de ver os carros.
    E o autódromo?
    Não conheço, mas tem um certo ar do antigo autódromo de Jacarepaguá.

  3. Paulo Emilio disse:

    Legal não é o filme e sim como na Argentina , no começo do anos 70 , tínhamos um automobilismo evoluído com várias categorias, como esta de Sport Protótipos, na qual se destacou o BERTA LR que inclusive chegou a correr em Interlagos em 1972 ! Além das várias categorias de Formula , com carros inclusive Formula 5000, Chegou-se inclusive a realizar uma prova em 1971 na Argentina o circuito de Rafaella com os carros de Indianapolis e coma presença de Al , Bob Unser e companhia ! Publico apaixonado , além do inicio das provas internacionais de Sport Protótipos e Formula 1 !Hoje é só caros bolhas ! Que pena !

  4. jovino disse:

    É o Roberto Carlos a 300 km por hora Argentino. Jovino

  5. O Homem Que Diz Ni disse:

    Esse filme é digno de uma dublagem a ser feita nos moldes de “Tela Class”, de Hermes & Renato! Nunca um acidente foi tão tosco no cinema!

  6. Jpveronese disse:

    Tem alguém correndo com um capacete igual ao do F. Cevert ou será o próprio ?

  7. Caca disse:

    O Sandro era o “concorrente” do Sidney Magal na Argentina. Tanto é verdade que “Tenho” foi gravado pelos dois, com enorme sucesso.

    É como “Roberto Carlos a 300km/h”, só que puxando mais para “Grand Prix”.

  8. Marcelo disse:

    Legal ver os carros argentinos da década de 70, mas que coisa tosca esse filme!

  9. Marcio disse:

    Filme argentino de 1971 protagonizado pelo cantor Sandro de América (Fernando). Categoria Sport protótipo argentino. Os ‘HERMANOS” estavam bem a nossa frente na construção de protótipos (motores v8, Ford 6 e chevy 6) . Acho que consegui identificar alguns : O Branco #4 de teto “esquisito” é o Trueno Sprint, O Azul 2º a entrar na pista é um Benavidez, O vermelho nº 6 com adesivo YPF é o Famoso Berta Tornado feito pelo mago Oreste Berta. Este carro andou competindo contra 0 908 de Luizinho. O Carro #9 do Protagonista é o Formisano Gentile .Acho que também tem aquele compridão azul o Baufer Chevrolet. A pista acho que é o oval de Rafaela primeira a sediar uma prova da Indy na América do Sul,no principio dos anos 70. Interessante as famigeradas “ordens de equipe” dadas pelo dono ao piloto seguidas de ameaças . O Acidente ao final FOI O MAIS MAL FILMADO QUE JÁ VI EM TODOS OS FILMES QUE ASSISTI EM TODA MINHA VIDA.

  10. Sebastian disse:

    Boa mesmo é a rodada antes da batida… Ihhhh..

  11. Zé Zanine disse:

    Legal! só podia ser o Divila
    Filme rodado na Argentina, nos anos 70
    fez sucesso no Mexico

    Boa Ricardo!

  12. Robertom disse:

    Siempre te amaré es una película Argentina dirigida por Leo Fleider según su propio guion escrito en colaboración con Jorge Falcón que se el 1 de abril de 1971 y que tuvo como protagonistas a Sandro, Marcos Zucker, Alfredo Iglesias y Alicia del Solar.
    Un accidente deja ciego y paralítico a un vanidoso corredor de autos que se enamora de la enfermera que lo atiende.
    A cena do acidente do protagonista faz parecer os efeitos especiais da RGT dignos de Hollywood.
    São carros da categoria Sport-Protótipo argentino do início dos anos 70 , com chassis tubulares, motores dianteiros, 6 cilindros 4,0 litros, Chevrolet, Ford, Dodge e Torino, uma categoria que foi mais importante que a própria TC nesta época.
    A pista parece ser Rafaela, um oval com um miolinho.

  13. Leandro disse:

    É um filme argentino. O piloto fica cego e se apaixona pela enfermeira. FIM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *