MENU

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015 - 23:32F-1

MORENO, 56

SÃO PAULO (bela atitude) – O Fábio mando a dica. A Lotus, com essa foto publicada pelo Twitter, mandou os parabéns a Roberto Pupo Moreno, que completou 56 anos hoje. Muito legal. Essa Lotus de hoje é, de certa forma, sucessora da Benetton. E foi pela Benetton que Moreno conseguiu seu resultado mais espetacular, um segundo lugar no Japão em 1990, em dobradinha com Nelson Piquet — talvez o pódio mais lindo da história da F-1. No ano seguinte ele começou como titular do time (foi o substituto de Alessandro Nannini, que teve um braço arrancado num acidente de helicóptero) até o GP da Bélgica. Na prova seguinte, em Monza, Flavio Briatore sacou o brasileiro para dar seu lugar a Michael Schumacher — não se pode dizer que cometeu um erro, embora a maneira pela qual demitiu Moreno tenha sido daquele jeito Briatore de ser…

Roberto vivia implicando comigo, dizia que eu era crítico demais e achava defeito em tudo. De fato, quando ele estava na Andrea Moda eu não era muito complacente com a equipe do italiano picareta vendedor de sapatos. Desconfio que ele não vai muito com minha estampa até hoje por conta disso. Mas não tem importância, gosto muito dele e tenho profunda admiração por sua carreira. Era (e é) um batalhador, com uma história de vida muito bonita.

Nosso abraço ao Moreno, claro. Ainda dá tempo, não deu meia-noite.

morenolotus

49 comentários

  1. Sidney disse:

    As pessoas tem pena do Moreno por ter 1,60m ser muito feio e careca, tem dificuldade até de falar, mas se ele fosse bom teria ficado na F1, o que ele teve de chance na F1 poucos pilotos brasileiros tiveram. Ele pegou além da forte Benetton outras equipes boas, foi piloto de teste da Ferrari e até da McLaren. O Mika era piloto de teste da McLaren em 1993 e fazia tempos tão bons que o Ron Dennis mandou substituir o titular Andretti. O Moreno nunca fazia tempos bons em todas as equipes que ele correu. O velho Piquet em 1991 com 39 anos já em final de carreira era de 0,5 a 1,0 segundo mais rápido que o Moreno na Benetton. Infelizmente as pessoas torcem para os fracos.

  2. eduardo disse:

    Enquanto Hunt tinha magnetismo pessoal de sobre e o Lauda esbanjava profissionalismo o baixinho e careca só ficava na oficina fazendo a alegria dos mecanicos e desprezo dos donos do dinheiro que não tinham como vender uma mercadoria tão pouco atraente.por isso sua carreira não decolou,se fosse hoje talvez ficasse no kart

  3. Robson Leandro disse:

    Foi muito bom piloto. Aproveitou bem o pouco tempo na Benetton e foi muito bem na Indy. O Teo José o chamava de “operário da velocidade”. Acho um bom apelido. Até hoje acho que parte do combustível para o Piquet detonar o esquema que envolveu o Nelsinho foi se vingar pelo “Puppo” por conta da sacanagem que o Briatore fez.
    Um dos momentos engraçados do Moreno foi em uma das corridas na Indy quando a equipe não parafusou direito um dos pneus e a roda saiu e ele abandonou a prova. Logo em seguida um repórter perguntou pra ele o que tinha acontecido e ele puto falou: “ah, o borracheiro não prendeu a roda direito”. Acho que foi a primeira e única vez que chamaram um mecânico da Indy de “borracheiro”. :)

  4. Cleverson disse:

    Bom piloto. Merecia melhor sorte na F-1. Quase abiscoitou um caneco na Indy. Parabéns a ele. Gostei do segundo lugar que ele obteve no Japão (Suzuka) em 1990. Foi uma bela imagem a dele ao lado do Nelsão!

  5. Fernando disse:

    Tinha um negócio de passar mal, vomitava no meio das corridas de F1…

  6. luiz caco disse:

    RPM, um dos melhores pilotos da f1 na minha opinião. Talvez o melhor acertador de carros de f1 de todos os tempos. Faltou uma maior sequencia em corridas numa grande equipe ,Sempre lembrado pela luta de tentar levar carros de equipes nanicas para o grid. O curriculum do Moreno é muito grande, como já foi dito. Cara certo, lugar errado.
    piloto de teste de: Lotus, Benetton, Maclaren, Willians e Ferrari.
    Abraços Roberto Pupo Moreno

  7. eduardo disse:

    Três momentos marcantes do Baixinho na F1,pontuar na horrivel AGS que terminava as corridas e não se classificava porque não alcansava os 90% das voltas,em Fenix só o Senna chegava nais perto do muro que ele,teve azar de encontrar o bico do Patrese no caminho quando não viu as banderinhas e vinha de novo tirando fina do muro,na Belgica quando ele fez a melhor volta da corrida a camera onbord mostrou ele fazendo a famosa curva de pé embaixo numa epoca que nem todo mundo fazia principalmente na corrida

  8. eduardo disse:

    Falta faz um livro sobre sua vida,pena e a exemplo do Nelsinho sua passaguem na Benetton foi fadada ao desastre pois fora o Barnad que o contratou e saiu da equipe e o Piquet que ja tinha problemas na equipe para ajudar o Baixinho ele só tivesse adiversarios principalmente o Briatore que ja basta para acabar com a carreira de qualquer um e sua teimosia de fazer uma carreira na F1 talvez tenha impedido de fazer uma grande carreira na Indy que ele chegou antes do Emersom e quase ganhou uma corrida

  9. Tomitao disse:

    O podio do Japão foi algo realmente espetacular, ainda mais para quem conheceu a trajetória dos dois (e ainda teve o Aguri Suzuki em 3º, para alegria da torcida local)
    Tenho uma miniatura montada daquela Benetton, e fiz questão de colocar o numero e o nome dele nela.

  10. Douglas Ricardo disse:

    RPM, baita piloto, merece ter sua carreira revista nas páginas de uma bela biografia!
    FG por que vc não se habilita?
    Felicidades ao Pupo Moreno e um abraço ao FG.

  11. Celião disse:

    Esse conhece tudo , pois pilotou de tudo na sua carreira, de F1 ,
    Indy, Formula atlantic , Nippon , etc…………. e Kart . Um de nossos
    melhores piloto, parabens pelos 5.6 .

  12. APM disse:

    Eu tinha um professor calvo igual ao Moreno e a gente o chamava de Pupo Moreno kkkk.
    Tentei achar link do youtube para postar aqui, mas não encontrei.
    Grande abraço ao Pupo Moreno, o operário da velocidade, pérola de um narrador da Band

  13. Belíssima foto. 1991, abertura da temporada. Moreno em sua Benetton Ford B190B (sim, o carro do ano anterior), pelas ruas de Phoenix, Arizona.

  14. Conde disse:

    Muito bacana a lembrança e a homenagem . Realmente o cara é muito bom . Meu sobrinho o contratou como coach para uma temporada da Formula Jr , e obteve resultados expressivos e esse ano já migrou para a Sprint Race . Tem até RPM no nome (rs)

  15. Pdr Rms disse:

    Aproveitando o post sobre um dos grandes heróis dessa “F1 Alternativa” hoje li sobre o fim do site F1 Rejects. A página e todo o seu vasto conteúdo foi retirado do ar e apenas o forum será mantido, porém em outro endereço e com outra administração.

    Certamente, muitos amantes da Formula 1 que frequentam o blog (e imagino que o dono também) devem ter ao menos conhecido ou entrado no site alguma vez.

    Mais uma grande perda para essa Formula 1 atual já tão desprovida daquele romantismo garagista e empreendedor do passado.

  16. Rubens disse:

    Flávio, lembro de uma entrevista sua com ele, acho na Bandeirantes, ele não respondia suas perguntas e você perguntou o motivo e ele respondeu algo sobre ser mais otimista. Grande cara e grande piloto, parabéns!

  17. Flávio, o Roberto Pupo Moreno “correu” pela Lotus em 1982, no Grande premio da Holanda, mas não conseguiu se classificar para o Grid, porém, ajudou posteriormente na preparação e testes dos carros subsequentes, inclusive o famoso “CARRO FANTASMA” com duplo Chassis

  18. Pedro Wolthers disse:

    Andrea Moda , Coloni, Larousse, naquela época sobrava carros no grid e algumas não conseguiam classificação porque somente 26 carros podiam largar. Hoje ?. Será que a propaganda de cigarros é que proporcionava esta avalanche de equipes e o fim dela a raridade de hoje ?

  19. Douglas disse:

    O Moreno é a prova viva que é possível escrever uma carreira linda mesmo sem títulos. Muito trabalho, coragem e dedicação!

  20. TSC disse:

    Grande piloto por onde andou!
    Cores unidas do Brasil: Piquet, Moreno nos carros amarelo, verde e azul, mais de uma década depois do sonho do Copersucar Fittipaldi

  21. disse:

    Sempre em Interlagos no Paulista, respira automobilismo e conhece tudo. Gente finíssima.

  22. Paulo Torres Garcia disse:

    Flávio, só para completar, este GP, com a dobradinha Piquet-Moreno, foi o GP de número 500 da história da F1. Pra quem gosta de estatísticas…

  23. Marcos disse:

    Na minha opnião o conjunto capacete-carro mais bonito da F1

  24. Shibunga disse:

    Ótima lembrança, grande (pequeno) Moreno, sem contar a maneira como ele conseguiu a vaga do Nanini, ligou bem antes do acidente para dizer olá e depois do acidente todo mundo ligou para pedir a vaga, ele foi presenteado com a vaga por merecimento e por ter ligado antes sem ser um “Urubú”.

    Ainda me emociono ao ver o comercial da Pirelli parabenizando o fato dessa corrida.

    Shibunga.
    Que está restaurando uma Kombi igualzinha a sua.

  25. John Player disse:

    Pois é.
    Esse merecia as mesmas oportunidades que Barrichello e Massa tiveram na carreira.
    Infelizmente, mais um caso de “pessoa certa, no momento errado”.
    Já os outros 2…Devem ajoelhar e rezar em agradecimento a cada 2 horas.

    • eduardo disse:

      Ele merecia a chance que o Diniz teve, chegou na F1 sem nenhum resuntado a custa de muito dinheiro e ficou na categoria algumas temporadas,Massa e Barriquelo são bons pilotos que tiverão meritos,principalmente o Barriquelo que foi um dos melhores nas categorias menores e merecia chegar a uma equipe de ponta ja no segundo ano e não no sesto portanto não foi sortudo assim,o Massa sempre teve a Ferrari por traz e se não fosse isso sua carreira talvez não durasse tanto

  26. Luiz G disse:

    Grande Moreno.
    Eu diria que, entre os pilotos Brasileiros que nunca venceram na F1, ele foi o mais marcante e carismático.
    Sempre achei que o Piquet deveria ter dado aquela vitória do Japão para o Moreno…..
    Sim, eu sei, pilotos não gostam de ganhar vitórias de graça, mas seria um pódio ainda mais lindo se o Piquet deixasse o Moreno passar na última curva como Senna fez com Berger no mesmo circuito em 1991……
    Sim, eu sei, o Berger não gostou, não agradeceu e preferia ter ficado em segundo……Mas ainda assim, acho que teria sido bonito……
    Sim, eu sei que a Benneton preferia que Piquet vencesse, pois ele era o primeiro piloto da equipe e nenhuma equipe quer mostrar aos patrocinadores que pilotos fazem troca-troca na pista como uma brincadeira pessoal, sem seriedade e compromisso……
    Minha opinião é só coisa de fã, pacheco, que gosta de um show de lágrimas no pódio….rsrsrsrs….

  27. Daniel Massa disse:

    Espero uma biografia desse cara para ler. Uma das pessoas mais queridas por mim na Formula 1. Se tinha alguém por quem eu torcia de verdade, era ele.

  28. Andre C.L disse:

    Bela homenagem!! Lembro dessa corrida… Adorava os carros da Benneton e quando havia dois brasileiros então, sem querer ser muito pacheco, era melhor ainda!
    De qualquer forma, Roberto Pupo Moreno é uma figura querida por todos, um “operário” do automobilismo como bem diz o narrador Téo José. Piloto que colocava a mão na massa… Um ex piloto de F1 que seria muito bem aproveitado nas transmissões de uma corrida pela experiência e capacidade técnica.
    Acho que uma vez li nesse site uma entrevista com o Roberto, no qual ele contava suas aventuras e batalhas para assegurar vaga em alguma equipe na F1, ou para apenas correr uma corrida… enfim, úm pilotaço que merecia melhor sorte nas categoria no qual passou! Parabéns Moreno!!

  29. eraldo disse:

    Achava lindos os Benettons coloridos.

  30. Elmo disse:

    Foto e carro belíssimos.

  31. Minoru disse:

    Uma das melhores “bundas” que esse país teve e, pelo andar da carruagem eletrônica, muito provavelmente nunca mais veremos um acertador tão talentoso quanto Roberto Pupo Moreno, que nunca teve a devida chance de brilhar como outros de seu tempo, até menos iluminados que ele, mas sempre lembrado quando ninguém mais achava qual era o defeito do carro, seja qual fosse a categoria.
    Parabéns!

  32. Flavio Bragatto disse:

    Moreno é o cara!
    Esse sim, tirava leite de pedra e fazia aquele monte de merda se qualificar para a largada.
    Me pergunto se hoje, que até para soltar a porca da roda precisa de um engenheiro, se seu talento seria aproveitado ao máximo.
    O lado F1 da minha familia sabe que ele é o melhor. Não importa quantas corridas se ganhe ou títulos. O que vale é o trabalho bem feito.
    Ah, e a pintura do capacete dele, é a mais bonita de todos!

  33. rogerV disse:

    O piloto mais natural de toda história do automobilismo! Sem frescuras, feeling fodido de acerto… o negócio dele é andar…. Parabéns !!!

  34. tevez disse:

    Pilotazo!!! Como diz o Piquet…Campeão em tomar decisões erradas como dizia o Piquet….Poderia chegar + longe que o Massinha e o Rubinho…Talento tinha pena que o Piquet tinha razão

  35. Ricardo Garcia disse:

    O grande Teo José o chamava o operário da fórmula indy agúem lembra disso .

    Grande piloto . Havia também uma muisica italiana no final do campeonato do patrocínio da pirelle ele junto o Nelson piquet ..

  36. Chupez Alonso disse:

    Que belo texto!

    Uma pessoa que consegue escrever em dois parágrafos as palavras Briatore, italiano safado e Schumacher merece os meus parabéns. Só faltou o Picaretonso.

    E meus parabéns pro Moreno também que um dia mandou a fornecedora de pneus abrir mais sulcos no pneu de chuva a fim de esquentá-los melhor.

    From zero to hero.

  37. samu disse:

    Bacana a homenagem ao super sub, andou muito e ajudou senna (mclaren) em 1991 fora em outras categorias como na cart onde venceu corrida,classificou alguns carros horrorosos para Indy!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>