SORRY, GUYS

SÃO PAULO (outro olhar) – Juro que não tenho 100% de certeza, mas acho que foi naquele GP de Cingapura que, depois da batida, a FOM colocou no ar a comunicação de rádio de Nelsinho com a equipe. Ele bateu e disse “sorry, guys”.

Lendo o depoimento de Nelsinho à FIA, fica claro, ao menos nas suas palavras, que apenas Briatore e Symonds, além dele, claro, sabiam o que iria acontecer. Ele diz que seu engenheiro questionou o incidente. E acrescenta que qualquer engenheiro inteligente notaria, pela telemetria, que continuou acelerando onde deveria frear.

Acho que aquele “sorry, guys” é a única coisa bonita que Nelsinho fez. Pedir desculpas (sem saber que aquilo seria ouvido fora da equipe) aos seus mecânicos, funcionários da Renault, amigos dentro da equipe, gente que passou horas preparando seu carro, resolvendo problemas, ajudando a melhorar as coisas, pela cagada que estava fazendo. Um momento quase íntimo — porque acabou se tornando público — de dizer a si mesmo “o que é que eu estou fazendo?”.

Não tira sua culpa, não atenua nada. É só um detalhe que humaniza um pouco a questão.

Subscribe
Notify of
guest
105 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
PC
PC
12 anos atrás

FG, quando o reginaldo cantou esta bola na transmissao da globo, eu lembrei imediatamente do “sorry guys”. e inocente, até pensei “então deve ser mentira esta história”. mas a unica mentira nesta história é chamar o nelson jr de esportista….

Marcelo Balthar
Marcelo Balthar
12 anos atrás

Eu tb acho que foi em Cingapura essa declaração do Nelsinho. Será que foi um chiste?

Dionisio
Dionisio
12 anos atrás

De repente o Nelsinho virou bandido. Os que pensam que entendem de corridas estam execrando o rapaz. Todos viraram carólas moralistas. São nogentas essa caretice e a falta de respeito ao esportista.

Luiz Paulo - Vitória/ES
Luiz Paulo - Vitória/ES
12 anos atrás

Luciano, Massa obedece ordens antiesportivas?
Uai, essa é novidade…
Putz, mais um brasileiro filho de galvão bueno…