DIRETO DA FONTE | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

quinta-feira, 24 de setembro de 2009 - 19:56Indústria automobilística

DIRETO DA FONTE

IMG_1501

SÃO PAULO (a gente espera) – O brother Marcelo Ferronato, ponta-de-lança do Grande Prêmio na Alemanha, foi ao Salão de Frankfurt e conversou com Klaus Schindler, diretor da empresa de miniaturas Herpa, que lançou o projeto do Novo Trabi e, agora, espera conseguir investidores para fazer o carro de verdade até 2012.

Ele disse que a ideia de fazer a versão pós-Muro do Trabi surgiu do sucesso de vendas das miniaturas do carro (eu devo ter contribuído com uma meia-dúzia). Conta Ferronato:

O carro exposto no Salão de Frankfurt é um conceito movido a energia elétrica. A bateria tem autonomia de 150 km e o motor tem 64 hp. A velocidade máxima é de 130 km/h. O Klaus pretende vender esse carro em 2012, mas não sabe se vai ser mesmo um carro elétrico. Tá até rolando uma pesquisa no salão sobre a possível volta do Trabant ao mercado. “Pode também ser normal, a gasolina ou diesel. Precisamos saber primeiro o resultado dessa pesquisa”, falou. Ele estima que o preço será de cerca de 20 mil euros. “Nos dois primeiros anos, esperamos vender alguns milhares. Se tivermos sucesso, vamos fabricar também um carro maior para a família, um cabriolet, uma pick-up e coisas parecidas. Mas isso depende das vendas. As chances de o Trabant voltar a ser fabricado são maiores do que 50%. Meus parceiros nesse projeto também acreditam nisso. Mas ainda estamos esperando os resultados da pesquisa para ver em qual direção iremos.”

O estande do Trabi era o menor do salão, mas segundo o Marcelo, o que teve mais gente por metro quadrado. Realista, o sujeito da Herpa. Mais de 50% de chances de fazer, o que significa que ainda há um longo caminho a percorrer. Mas se ele começar a vender miniaturas dessa versão, pode ser que ajude a financiar a brincadeira.

17 comentários

  1. Mário Mesquita disse:

    Muito euro pra pouco carro…

  2. Sérgio Barros disse:

    Cara, não se porque tenho a impressão que ele bebeu na fonte do novo Mini, porque as formas são muito parecidas…

    Numa dessa, fabricação independente costuma sobreviver e dar certo lá na Europa, e ainda custam caro – se o cara souber levar dá certo, mas será um paradoxo levando em conta o custo estimado e o que representou o carro no passado.

  3. vitão disse:

    o Fox , exportado pela VW para a Alemanha, custa no básico menos de EUR$ 10 mil, e com todos os opcionais e motor diesel, menos de EUR$ 20 mil , portanto essa jaca está cara. vejam aqui :
    http://www.carangoblog.com/post/948/vw-fox-e-o-carro-mais-vendido-no-seu-segmento-na-alemanha

  4. Thales disse:

    Flávio, dá uma olhadinha nesse vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=JqRUwHyJKV8&feature=player_embedded#t=47
    O pessoal da PUMA, para promover a linha de roupas da Ferrari, faz um fórmula 1 usando somente as próprias peças de roupa da loja.

  5. Anderson disse:

    O Grosjean mostrou pro Nelsinho como era pra ter feito, sem destruir o carro. Era assim q o Bria queria.

  6. Claudio Ceregatti disse:

    Espero que compre outras miniaturas, FG.
    De um Brasileiro Elétrico. Mas brasileiro de verdade, enão os do passado com powertrain e chassis adaptados.
    É cedo, cedíssimo ainda pra falar.
    Mas quando acontecer e souberem o porte e nomes dos investidores e parceiros, o chão vai tremer.
    Estou nessa até o pescoço. Vamos aguardar os próximos meses.

  7. CelsOM disse:

    Como vc mesmo sempre diz : Mais um aventureiro no pedaço… 20.000 euros ? É melhor continuar a vender miniaturas !

  8. Felipe Montanheiro disse:

    CARS & CARecas????

    Abração a todos,
    Felipe Montanheiro.

  9. Fernando M.A. disse:

    Nem sei se é a melhor hora de falar sobre isso, mas acho que cabe em vosso blog.
    É sobre a tragédia que abateu em Santo André, com a grande explosão da pólvora, que além das perdas humanas, também ocorreu uma considerável destruição econômica, no qual incluso uma garagem para veículos clássicos, o qual vários veículos sofreram avarias, o qual incluem um SP2, um vemaguete e um conversível vermelho dos anos 60 que não me informaram o modelo, estes em condições mais graves.
    Para dizer que não tiveram sorte, um Ford 29 só vai necessitar um bom enceramento para ficar como antes.
    Desculpe qualquer incomodo e a saída da pauta do post.

  10. marcello baviera disse:

    Lindo o carro!Aproveito para comentar que existe um “anuncio fúbebre” no webmotors:o MAREA WEEKEND TURBO 2002 do causador do tragédia de SantoAndré,SANDRO LUIZ CASTELLANI,dono da fabrica de fogosque explodiu hoje causando enorme desastre.Descobri o anuncio por acaso,e na TV aparece a filmagem desse marea que foi jogado a dezenas de metros de distancia com aexplosão!

  11. Vendo este carro azul e branco, mesmas cores da bandeira de Honduras, pergunto: não vai ter aqui no blog “Gira Mondo, Gira” a opinião do Flavião sobre a volta do Zelaya ao país? Abração.

  12. Leandro Magno disse:

    Se vc n viu ainda, vai sentir pena do velhote diante do rapazão.

    http://www.youtube.com/watch?v=5CU-k0XmLUk&feature

    • Mário Mesquita disse:

      Que sacanagem estragar um chevy classico num troço desses. Só acho engraçado é que as pessoas continuam morrendo do mesmo jeito. Os carros hoje são de papel e nos falam em “deformação programada” e outras gracinhas, mas a verdade é que vc porrar a mais de 100 km/h, rezem amigos…

  13. Renato Camara RRE disse:

    O carro é lindo, adoraria ter um azul, mas 20mil Euros não tem nada a ver com um Trabi.
    Trabant era um carro popular e o sujeito quer transformar num carro de luxo?
    Soa até engraçado que somente a burguesia é que terá condições de comprar este novo Trabi.
    Abs

    • Eduardo De Campos disse:

      Vai ser a reedição do que aconteceu com o New Beetle da VW.Não é qualquer um que pode tê-lo na garagem

    • Wladimir disse:

      O mercado deste carro é exatamente os ex jovens estudantes e intelectuais que nos anos 60 e 70, que por questões ideológicas achavam que tudo que vinha da cortina de ferro ou leste europeu era a oitava maravilha do mundo, ara assim que vendiam esta idéia a eles.

      Agora estes ex jovens são executivos e profissionais liberais bem sucedidos que mudaram muito ideologicamente, mas algum glamour daqueles tempos eles ainda preservam e meio que em função disso acho que este carro tem mercado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>