N’ABU DHABI (2)

RIO(fecharam) – E foi só na última corrida do ano que alguém conseguiu acabar com a hegemonia da Mercedes em grids de largada. Max Verstappen colocou a Red Bull e a Honda na pole hoje em Abu Dhabi, depois de 15 poles da Mercedes oficial e mais uma da rosa, da Aston Point de Lance Stroll na Turquia.

Foi uma surpresa, claro, depois de um domínio tão intenso dos motores alemães. Mas uma boa surpresa, a primeira deste fim de semana que encerra a temporada em Yas Marina — um dos mais belos autódromos do mundo e um dos traçados mais bestas do planeta, também.

Max não é um “poleman”, menos por ele, mais porque a concorrência é dura. Foi apenas sua terceira pole na carreira, a última tendo sido registrada em Interlagos no ano passado. Verstappinho fez uma volta perfeita no Q3 em 1min35s256, deixando Bottas, o segundo, e Hamilton, o terceiro, respectivamente a 0s025 e 0s086. Quase nada. Andou mais que o carro, basicamente. E ainda contou com o que Lewis chamou de “falta de ritmo” depois de ficar mais de uma semana de cama se recuperando do Covid-19. Realmente, o Hamilton de Abu Dhabi não parece aquele que já conquistou o hepta e arrebentou a boca do balão o campeonato inteiro, com suas 10 poles e 11 vitórias até aqui.

Como diz o Jorge Perlingeiro na Sapucaí, “eis as notas” aí em cima, com o grid completo. Na verdade, o resultado da classificação, porque teremos algumas punições. Leclerc, por exemplo, perderá três posições pelo toque em Pérez domingo passado, caindo de nono para 12º. Já Pérez, vencedor do GP de Sakhir, passou ao Q2, mas nem fez tempo porque sabe que terá de largar na última fila, por troca de motor.

Ah, é última corrida do ano, não vou ficar destrinchando a classificação. Do Q1, destaque-se de novo o fato de Raikkonen ser superado por Giovinazzi, o tempo OK de Pietro Fittipaldi, 0s3 atrás de Magnussen, e a volta de Russell à rabeira, depois de um fim de semana quase de sonho no Bahrein.

Leclerc: foi ao Q3 e perde três posições no grid

Vamos às irrelevâncias, porque é delas que gosto de falar.

Kvyat, despedindo-se da AlphaTauri — já fala abertamente da saída, ainda que não tenha sido oficializada –, foi um dos destaques do dia com o sétimo lugar e garantiu: fez a melhor classificação de sua vida. Eu acrescentaria: demorou um pouco, né meu filho?

Mais algumas, que estão nas duas fotos abaixo. Pérez também preparou um capacete especial para sua despedida da equipe, inscrevendo nele todos seus números na ForceIndia/Racing Point. Ficou meio poluído, mas tá valendo. Já a Mercedes estampou na carenagem de seus carros os nomes de todos os funcionários da equipe, que ajudaram a levá-la a mais dois títulos em 2020, de Pilotos e Construtores. Justa homenagem.

E, de novo, o show da noite foi de Fernando Alonso com o R25 de 2005, fazendo barulho e enfiando o pé no porão — parece que registraram uma volta em 1min40s e alguns quebrados, com um carro de 15 anos atrás usando pneus nunca utilizados nesse modelo.

Todo mundo se divertiu com o espanhol guiando como se lutasse pela pole. Até Ocon, seu futuro companheiro na Renault, quis tirar uma lasquinha e entrou no carro. Antes, disse a Alonso: “Cara, você estava rápido!”. O sorriso de Alonso depois da brincadeira revela sua alegria.

A corrida amanhã? Bom, tende a ser a chatice de sempre com poucas ultrapassagens, mas já disse e repito: este ano tem nos surpreendido. Alguns vão largar com pneus médios, com os pilotos da Mercedes, e a maioria vai tentar apenas uma parada porque o pitlane é muito comprido e os pit stops são demorados. Mas nem todos conseguirão.

Que seja uma boa prova, à altura das melhores que tivemos em 2020. E que em 2021 as coisas voltem ao normal. Parece que estão vacinando as pessoas por aí. Aqui, não sei direito como será. O capitão cloroquina continua espalhando seu cuspe nojento pelo país e negando a tragédia que já matou mais de 180 mil brasileiros, deixando a nosotros apenas a esperança de que acabe logo, e que ele volte ao esgoto de onde saiu daqui a dois anos — embora seja muito claro que se as tais instituições funcionassem de verdade, ele já estaria de volta ao seu pão com leite condensado e àqueles chinelos horrorosos no seu patético condomínio da Barra.

Comentários

  • Prezado F&G: Acabou a temporada 2020 ( Novo Normal ), difícil para os adversários mais o campeão L. Hamilton calou a boca das viúvas do Michael S. ainda falaram que foi o carro ,as daminhas estão de brincadeira e que querem fundamentar com apenas um único resultado de Russel com o carro da Mercedes-Benz, mas que não tem nenhuma eficácia para fazer qualquer espécie de comparação : 7-LH X 0- R. V. Bottas vice- campeão da temporada garantiu o emprego com suas duas vitórias ao passo que seu adversário direito sucumbiu em terceiro , correu para ser o terceiro não fez mais nada Max Verstappen já esta pensando nas próximas duas novas temporadas e a real possibilidade de trocar de equipe, o quarto colocado Esse sim vai levar o prêmio de consolação que eu chamo de Campeão da série B da F-1 Sérgio Perez *, com menos duas corridas e com uma vitória mostrou mais serviço que Max V. o quinto colocado no campeonato Daniel Ricciardo, teve uma fantástica evolução durante o campeonato e chegou na frente do queridinho da Equipe Ferrari Charles Leclerc que na próxima temporada vai ter como seu maior oponente o colega de scuderia o piloto Carlos Sanz Jr ,( sétimo colocado ), e que chega na Ferrari com faca nos dentes e vai sim suplantar Leclerc.Com relação ao 8º colocado Alexander Albon, não entregou o que deveria fazer com bons resultados para equipe Red Bull, será demitido . O Piloto Lando Norris, o 9º,trabalhou bem para equipe Maclaren , na próxima temporada terá um Piloto agraciado com uma vaga em face de sua evolução e que Daniel Ricciardo vai sim trazer bons resultados . o 10º Lance Norris teve o seu melhor resultado e está entre os dez melhores classificados ,nunca mais vai ficar entre os dez melhores, pois vai dividir a equipe Sebastian Vettel, que já foi quatro vezes campeão do mundo e vai sim ser o professor de Lance Stroll que deverá agradecer e apreender como é ser um piloto excelente de F-1, cabe ao Piloto Stroll assimilar bem os ensinamentos e uma chance fantástica, sito por exemplo quando Nelson Piquet teve como companheiro de Equipe Brabham o fenomenal Niki Lauda, e que não perdeu a oportunidade de receber a melhor orientação e que resultou em três títulos mundiais. O destaque negativo da temporada é que entre os dez melhores, dois deles Albon e Stroll não tem o talento e capacidade técnica para alçar por méritos próprios as respectivas classificações , Albon teve uma equipe de primeira linha que lhe forneceu um carro bom, ao passo que Stroll, com ajuda do tio Patinhas $$$$$, conseguiu um fornecedor de motor campeão e sim lógico que teve troca de informações no projeto aperfeiçoando o desenvolvimento do carro da equipe Racing Point. Por fim você esta certo a corrida em Abu Dhabi é um saco para assistir, Max fez por merecer e Daniel Ricciardo, na última volta , ganhou um ponto pela melhor volta .A Grande sacanagem foi da Equipe Hass, obrigar Pietro a fazer a terceira Parada só para não chegar na frente de Magnussem.

  • Verstappen com essa Pole vai fazer de tudo para vencer em Abu Dhabi para esquecer sua frustração na corrida passada, finalmente chegou o último dia do desgastado Vettel na Ferrari em Abu Dhabi, e Fittipaldi neto vai fazer mais uma corrida de chegada sem pontuar.

    • O asturiano definitivamente está de volta ao jogo. Bom pra todos que apreciam a F-1. Quanto ao que disse, acho improvável acontecer, pois essa também era a preocupação da Renault, como Alonso reagiria se as coisas começassem a ir mal, e antes de fecharem um contrato, Alain Prost quis se certificar de que isso não ocorresse, e como o contrato foi assinado Prost viu maturidade e mudança positiva em Alonso. Quem teve a oportunidade de assistir a série documentário “Fernando” da Amazon Prime pôde ver que muitas experiências pelas quais ele passou, ajudou a melhorar o trabalho em equipe e o respeito mútuo. E ver Fernando Alonso e Alain Prost lado a lado, trabalhando pelo mesmo alto ideal, trás uma sensação muito gostosa, e conto os segundos para que o carro da Alpine venha à luz e seja um colecionador de troféus.

    • Acho q isso ñ vai acontecer, já é passado. Alain Prost conversou pessoalmente com Alonso antes de assinarem o contrato e já é possível ver através das experiências q teve principalmente defendendo a Toyota no WEC e Dakar seu espírito de equipe e seu comprometimento com o projeto num todo. O cara é foda e está de volta ao jogo, parabéns pra ele q tá dando show de preparo físico e apetite por vitórias.

  • Esse Totó é ridículo! Grande parte da ” culpa” desses motores híbridos ridículos persistirem tem na F-1 é da empresa que ele representa. E grande “culpa” pela falta da competitividade da categoria tb é dele e sua covardia , ao manter um piloto meia boca como Bottas na equipe e deixar o LH ” correndo sozinho” todos esses anos.! Hipócrita.

  • Esse Totó é ridículo! Grande parte da ” culpa” desses motores híbridos ridículos Pereira tem na F-1 é da empresa que ele representa. E grande “culpa” pela falta da competitividade da categoris tb é dele e sua covardia , ao manter um piloto meia boca como Bottas na equipe e deixar o LH ” correndo sozinho” todos esses anos.! Hipócrita.