SOME QUESTIONS | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

sexta-feira, 27 de março de 2015 - 20:12Autódromos

SOME QUESTIONS

SÃO PAULO (semana que vem a gente apura) – Em novembro de 2012 falamos pela primeira vez aqui de Curvelo. A cidade fica a cerca de 150 km de BH e lá seria construído um autódromo. Na verdade, mais que isso. Um complexo esportivo etc e tal que tem, como grande novidade, um condomínio residencial chamado “Casa de Pista”, anexo ao circuito. Isso existe bastante nos EUA, condomínios para gente que gosta de colocar seus carrões numa pista.

Entrei no site oficial e tudo que consegui descobrir é que as vendas do condomínio começam/começaram neste mês e que a inauguração da pista está prevista para março de 2016.

Como não dá para mandar repórter para lá e só vou pedir à molecada do site para ir atrás de mais informações semana que vem, peço à blogaiada mineira que comece a levantar o que puder. “Circuito dos Cristais” é o nome do complexo. Nome bonito. Projeto lindo.

As perguntas de sempre. Quem está construindo? Em que pé andam as obras? Quanto vai custar? Tem dinheiro público envolvido?

Eu duvido de tudo sempre, cansei de mostrar aqui projetos de autódromos que nunca saíram do papel.

O padrão do site, porém, aponta numa direção oposta à da falácia. Gostei do que vi. Vamos atrás. Até lá, contem o que souberem.

pista_panoramica

18 comentários

  1. Ted - Belo Horizonte disse:

    Flávio, vou comentar do que sei…
    Sou de BH e tenho acompanhado os acontecimentos em relação ao Circuito.
    No início, era um grupo de três empresas que estavam tocando o projeto. Atualmente, trata-se de um empresário que resolveu assumir sozinho. Ele era do ramo SAP (software das grandes corporações). Abriu uma empresa, cresceu e vendeu para um grupo estrangeiro.
    O projeto tem contato com a colaboração (dados técnicos, segurança, etc…) de nomes importantes.
    A pista já foi “terraplanada” e os lotes começaram a ser vendidos.
    Alguns dos meus amigos já compraram a “cota” do espaço. Sim, você não compra um lote com escritura. Você compra um espaço em forma de ações no negócio (algo desse tipo). Sei até o valor, mas não creio que possa ser divulgado. O fato é que trata-se de uma “aposta” com um valor razoável. Se eu tivesse a grana para investir, apostaria!
    O projeto está praticamente pago e fui informado que ficará em torno de R$ 60 milhões, sendo que grande parte dessa verba já está “no cofre”.
    Não há nenhuma participação de órgãos governamentais. Na minha opinião, ótimo!
    Todo o projeto é muito bem pensado, nos mínimos detalhes, principalmente a logística. Para quem é de BH, por exemplo, haverá um caminho que encurta a distância em aproximadamente 30 km e chega, de asfalto, até a entrada da pista.
    Quem compra o direito do espaço, tem garantidas algumas datas para utilizar a pista.
    Estamos torcendo porque a “turma das motos esportivas” (inclusive eu) só tem uma pista (Mega Space) que não é nada segura, mas é menos perigoso que as BR´s.
    É torcer para que continue no ritmo atual.
    Abraço,

    Ted

  2. Beto disse:

    Claro, as vendas dos lotes começaram. Vendem lotes no meio do nada, por preço dez vezes maior que o de mercado, baseados no argumento de que ali sera construido um grande autodromo e bla bla bla. Ali na frente avisam que tiveram problemas com o licenciamento ambiental, e pronto. Bobos compraram a falácia a preço de ouro.

  3. Paulo César_PCB disse:

    E o do Emerson ??? Será / seria na região de Campinas – SP.

    Saiu do papel o 1º KM ?

  4. Conrado disse:

    Futricando no site, descobri que a empresa que está tocando o empreendimento é a TecRacing Parques, especializada em empreendimentos esportivos automotivos. A equipe conta com Bruno Junqueira, ex piloto, como consultor técnico.

    O site deles é: http://www.tecracing.com.br/

  5. Anselmo disse:

    Pelo video do FB, a pista é de verdade eheh.
    No interior de São Paulo tem o Velo Citta da Mitsubishi, portanto, é possivel sim, e o Brasil não pode depender do poder público.

  6. Leo Sattre disse:

    FG, moro a menos de 1 km do escritório do empreendimento.

    Vou passar lá!

    News em breve..

  7. João Ernesto disse:

    Sem curva de alta?

    Eu gosto de curva de alta…

  8. jose carlos disse:

    andei na pista de terra socada de L200 e o traçadoe bastante seletyvo com cotovelos de baixissima bastante interessantes onde tem que mostrar motor.em30 anos foio primeiro movimento real privado sem um cent da politica que vi em minas.no passado fui nuns 6 coxinha com empadinha do automobilismo de mg que deram em nada.vamos aguardar pois a coisa esta andando!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  9. Arthur Schieck disse:

    Sentido horário, certo?

  10. disse:

    O Flavio Bergmann mandando ver neste projeto. Agora um que falaram faz tempo, está a pleno com eventos, o http://harastuiuti.com.br/ .

  11. gustavo maia disse:

    Para que a saída dos boxes no meio da Curva 1, depois da reta grande.
    Aff, nam.
    O sujeito que projetou isso quer ver gente morrer ou não viu o circuito da Coreia.
    E a entrada também não é das melhores – sugere ingressos estranhos como ocorrem na Malásia.

  12. perna quebrada disse:

    O traçado é legal…

    Mas será que no Brasil alguém vai querer morar num lugar onde vai passar o fim de semana ouvindo barulho de motor???

    Em que os bebês vão fazer campeonato de arrancada, de carro tunado e de som mais potente?

  13. Edmilson Rodrigues disse:

    Boa noite Flávio, segue um vídeo para você ver como andam as obras https://www.facebook.com/video.php?v=405000449675071

  14. Mateus Borges disse:

    Tá lembrando os traços de Spa…

Deixe uma resposta para Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>