MENU

Monday, 6 de March de 2006 - 13:22#96, Superclassic, farnéis

Ficar em último não é tão ruim assim

SÃO PAULO (uai, todo mundo não amava a Minardi?) – Para que fique bem claro, fui o último no fim de semana todo. O último no grid entre os que fizeram a classificação (três não treinaram e largaram atrás de mim) e o último a receber a bandeirada entre os que concluíram a corrida (sete abandonaram).

Mas curti muito o sábado em Interlagos. O grid estava bonito, com 23 carros, e tivemos a alegria de ver o Maverick campeão de 5000 em 1986 (não 1979, não sei de onde tirei 1979) com o Sérgio di Genova puxando o pelotão como pace-car. De público, meus agradecimentos a ele e ao Adonis (esse carro será tema de matéria no Limite da ESPN Brasil nesta semana). E mais dois pace-cars, o DKW do Alfredo Gehre e o Fusca do Luiz Salomão, tendo como co-piloto o amigo Duda Ordunha, empresário do Barão Vermelho e do Kid Abelha, mas acima de tudo um apaixonado por corridas. Duda veio do Rio para ver de perto os carros que fizeram parte da sua infância como rato de autódromo.

E não foi só ele. Muita gente apareceu no box 21 e se apresentou como blogueiro e leitor do Grande Prêmio, o que me deixou muito feliz. Teve mais gente que veio de longe, pena que não guardei o nome de todo mundo. Mas agradeço a cada um, de coração. Entre os ilustres apareceu o Felipe Montanheiro, que ficou em segundo lugar no concurso do capacete e já levou o meu para fazer aquela pintura (o capaMUG será um Arai todo cheio de chinfra que está com o Thiago Amorim no Rio).

Sobre a corrida. Um calor infernal, até que foram poucas as quebras. Da hora do treino, 8 da matina, até a corrida, meio-dia e cacetada, esquentou ainda mais e a pista ficou emporcalhada com óleo e cal. Por isso os tempos de voltas de quase todo mundo foram bem mais altos na prova.

O César Carloni venceu na geral com o Porsche campeão do ano passado. Pegou a mão do bichinho. Ficou com a vitória também, claro, na Divisão 2 (1.400 cc a 1.600 cc). O Sergio Spagnolo, de Karmann-Ghia AP, faturou na D3 (acima de 1.600 cc e motores não-originais). Na D1 ganhou o Fusca do Marcelo Lima (nono na geral).

Tivemos sete carros na D1, sete na D2 e nove na D3. Um dos pilotos, o Walter Lapietra, treinou de Fiat na D1 e largou de Puma na D3, porque o pequeno italianinho quebrou.

Quanto a mim, digamos que corri sozinho. A saída do outro DKW do campeonato me deixou isolado como o mais lerdo do grupo. Não me importo muito com a lentidão; mais com a solidão na pista. Deve ter sido a última corrida desse motor, mas mesmo com o novo não creio que vá me aproximar demais dos outros da D1, que têm virado entre 10 e 20s mais rápido que meu DKW. Em todo caso, ficarei firme com meu dois tempos.

Destaque também para presenças ainda mais ilustres como o Bob Sharp e o Jan Balder. Ambos fizeram coro: “Falta motor”. E eu não sei? E para as estréias do Miúra de Anuar Askari (deu só uma volta), do Chevette do Silvio Brocchi, do Passat de Carlos Bráz (uma belezura) e do Puma de Aroldo Teixeira.

Se alguém daqui foi a Interlagos, deixe um comentário para contar aos outros. A próxima corrida é no dia 1º de abril. Abaixo, a foto do Maveco do Di Genova. Depois coloco o link do site da LF com mais fotos, mas ele está fora do ar por enquanto.

A seguir, grid e corrida:

SUPERCLASSIC – segunda etapa (4/3)
GRID DE LARGADA
1) César Carloni (D2/Porsche Spyder #17), 2min03s137 (125,977 km/h)
2) Luis Finotti (D3/Topolino AP #38), 2min04s676
3) Evaldo Luque (D3/BMW AP #53), 2min05s029
4) William Simoceli (D3/Porsche Spyder #56), 2min06s153
5) Sérgio Spagnolo (D3/Karmann-Ghia AP #4), 2min06s797
6) Nivaldo Almeida (D3/DKW AP #83), 2min07s076
7) Edson Furrier (D2/Puma #10), 2min10s095
8) Sebastião Gulla (D2/Puma #51), 2min11s322
9) Carlos Bráz (D3/Passat AP #21), 2min12s544
10) Adriano Griecco (D2/Puma #71), 2min13s902
11) Ricardo Magnusson (D3/Bianco #20), 2min14s231
12) Henry Shimura (D3/Karmann-Ghia AP #77), 2min16s409
13) Walter Brunelli (D1/Fusca #7), 2min21s132
14) Marcelo Lima (D1/Fusca #3), 2min21s692
15) Albert Reis (D1/FNM JK 2300 #5), 2min26s372
16) Waldevino Jr. (D2/Puma #27), 2min28s577
17) Silvio Brocchi (D1/Chevette #2), 2min29s633
18) Apolo Teixeira (D2/Puma #18), 2min35s304
19) Flavio Gomes (D1/DKW #96), 2min41s257
20) Renato Giordano (D1/Corcel #14), sem tempo
21) Marcio Araújo (D1/Corcel #22), sem tempo
22) Walter Lapietra (D2/Puma #29), sem tempo
23) Anuar Askari (D2/Miúra #9), sem tempo

CLASSIFICAÇÃO FINAL
1) César Carloni (D2/Porsche Spyder #17), 13 v em 31min39s245, melhor em 2min09s309
2) Sérgio Spagnolo (D3/Karmann-Ghia AP #4), a 7s969 (2min08s217)
3) Evaldo Luque (D3/BMW AP #53), a 22s117 (2min09s033)
4) Luis Finotti (D3 Topolino AP #38), a 29s901 (2min10s001)
5) Edson Furrier (D2/Puma #10), a 31s350 (2min12s832)
6) Carlos Bráz (D3/Passat AP #21), a 42s260 (2min15s713)
7) Sebastião Gulla (D2/Puma #51), a 59s309 (2min15s771)
8) Ricardo Magnusson (D3/Bianco #20), a 1min33s765 (2min19s023)
9) Marcelo Lima (D1/Fusca #3), a 1min41s543 (2min23s348)
10) Walter Brunelli (D1/Fusca #7), a 1min41s964 (2min22s770)
11) Renato Giordano (D1/Corcel #14), a 1min43s718 (2min23s801)
12) Marcio Araújo (D1/Corcel #22), a 1min59s951 (2min26s805)
13) Nivaldo Almeida (D3/DKW AP #83), a 1 volta (2min12s944)
14) Walter Lapietra (D3/Puma AP #29), a 1 volta (2min26s938)
15) Silvio Brocchi (D1/Chevette #2), a 1 volta (2min33s038)
16) Flavio Gomes (D1/DKW #96), a 2 voltas (2min46s777)
17) Alberto Reis (D1/FNM JK 2300 #5), abandono (2min29s660)
18) Aroldo Teixeira (D2/Puma #18), abandono (2min36s034)
19) Adriano Griecco (D2/Puma #71), a 6 voltas (2min17s079)
20) Waldevino Jr. (D2/Puma #27), abandono (2min26s174)
21) William Simoceli (D3/Porsche Spyder #56), abandono (2min13s140)
22) Henry Shimura (D3/Karmann-Ghia AP #77), abandono (2min27s639)
23) Anuar Askari (D2/Miúra #9), abandono (sem tempo)

Melhor volta: Sérgio Spagnolo, 2min08s217
Número 83, Nivaldo Almeida, punido com acréscimo de 20s ao seu tempo por ultrapassar em bandeira amarela.

44 comentários

  1. Alexandre says:

    Boa tarde infelizmente o dono deste carro Sergio Di Genova
    Faleceu este mês 09/01/2010.
    Perdemos um grande amigo e um ótimo piloto.

    Abraços

  2. roberto ba santos says:

    para qual email mando?

  3. roberto ba santos says:

    quer mais fotos do maverick 5000

  4. Rodrigo Luque says:

    Estive la, vendo meu pai pilotar sua BMW, e ao final ocorreu uma cena provavelmente inedita e unica… Flavio Gomes no pódio!!! É isso mesmo…. até tomou banho de champagne…. Tenho a foto inedita aqui, se quiser posso enviar para seu e-mail!!!! Só vendo pra crer!!!!

  5. Christian says:

    Bota 3 dimensionados, rebaixa o cabeçote, alivia os pistões, roleta tudo (se já não for roletado, não sei), enfia umas bobinas de primeira, abre e dá uma polida nas janelas, põe umas velas, projeta e instala um torque induction (para melhorar o aproveitamento do combistível e dar mais força em baixa e melhor retomada – sobe de giro mais fácil), pra melhorar ainda mais em baixa e nas retomadas dá um jeto de enfiar um YPVS da Yamaha RD 350 LC nas janelas de escape), lógico mete uma carburação tripla e também uma bomba de gasolina capaz de alimentar isso tudo (inclusive vai ter que trocar os dutos do tanque até a referida por outros de maior diâmetro). Enfim, com esta receita na mão e mais um mecânico de motos (yamaha de competição, dos experientes dos 2T, óbvio isto) para preparar a maquininha, troca de categoria que dá pau em todo mundo!
    Longa vida aos 2T!

  6. Planeta says:

    Como piloto vc é um bom jornalista.

  7. cassio souza says:

    Aí Flavio Gomes , bela corrida heim !!!????
    Mas podemos dizer que , se fossemos comparar a corrida de domingo com a F-1 , vc estaria mais para Minardi ou Super Aguri ???

    Valeu

  8. Silvestre Zanon says:

    Acho que o FG não corre com outros carros porque o DKW é uma boa desculpa de chegar em último

  9. Fabricio says:

    FG, vc já pensou em correr com outro carro??? Já que é vc um apaixonado por carro antigo já pensou em correr com um modelo diferente por ano?? Um ano com o DKW, outro com um fusca (ori) e assim por adiante??

  10. maurício says:

    explica-se a performance do dono do blog:

    “quem tem um DKW não precisa ter pressa!”

  11. Daniel says:

    O importante desta competição é sem dúvida o espetáculo, pode ter certeza que os carros devem ser conservados por muitos anos, independente de posição de chagada, todos são campeões.
    Abraços!

  12. Clay says:

    Fomos, eu e a família, e pudemos não só curtir a beleza, charme e romantismo das baratas – a sua também, sem dúvida – mas tambem a atenção e carinho do FG como anfitrião, antes e depois da corrida. Sem dúvida que tem horas que chegar em primeiro ou último é totalmente secundário…o duro foi me segurar prá não “ïnvadir” a pista com meu nervoso Sedan VW1963… mas 2007 tá aí…
    Valeu, Flávio.

  13. Arthur Berger says:

    Fácil: Institui o “Grid Invertido!”

    rsrsrsrs

  14. joaquim says:

    Õ FG, grande corrida a de sábado. Tinha até gente na arquibancada, umas quinze pessoas pelo menos. A disputa do Carloni com o Spagnolo, os dois se matando pelo miolo, nada ficou a dever a outras categorias dita estreladas. A propósito, o que houve com o KG do Sérgio, freio ou pneu? Os que não foram perderam um grande evento. Depois, a chacrinha nos boxes. Quanto á tua participação, ô luta inglória, meu rapaz ! Talvez se vc descolasse um daqueles motores DKW V-6, quem sabe?

  15. Marcello says:

    O problema do FG é que ele tá desmotivado porque não correu com o capacete novo.

  16. Gabriel Marques says:

    Eu estive lá, só que na aqruibancada, quase todo sábado estou lá, neste sábado eu, meu pai, minha esposa e filhão, assamos uma carninha e assistia os carros de outrora degladiando sobre o escaldante asfalto de um dos lugares mais bonitos de sp. Até o banheiro desta vez estava aberto, sujo, mas aberto. Qaunto a prova foi cheia de ações muitas rodadas e poucos pegas, destaque na 1 com os fuscas e o corcel perto um do outro, em termos de beleza a bmw e o dkw são imbativeis. Proponho Flávio que façam a categoira 1/2 para motores até 1000cc, assim motivaria carros de épocas passada como os gordinis e dkws. Agora o chevetinho tinha uma carinha de cadeira elétrica….

  17. Pedro Jungbluth says:

    Finalmente soube que então você anda de 2T. Mas esse novo motor, é feito onde?
    Se faltam burritos na usina, experimente gastar mais em diminuir o peso do bichinho.

  18. Edgar SC says:

    Putz… duas voltas… Ô Flavio tem um motorzinho de dentista aqui perto de casa se quiser eu falo com o cara ali…

  19. Volante 13 says:

    o bom e q e muito façil achar a posiçao do flavio gomes é so olhar de baixo pra cima ,como esta sempre entre os ultimos poupa um bom trabalho

  20. Claudio Ceregatti says:

    FG:
    Sou aquele de cabelo branco, te encontrei lá na entrada dos boxes depois da corrida.
    Veemente protesto: Para entrar precisava de credencial. Tava cheio de crianças brincando pelos boxes – vi muitas, para variar – mas não me deixaram entrar, para ver de perto os carros do Box 21.
    Como frequento Interlagos a uns 40 anos, estou habituado com a OTORIDADE dos porteiros… Nem tentei discutir ou argumentar – Preferi ficar do lado de fora, e assisti a corrida no S do Senna, bem ao lado do fotógrafo, uma visão perfeita.
    Repito o que te disse pessoalmente: Voce não tem motor nenhum. Todos te passavam como queriam, a diferença de aceleração e velocidade final era brutal. Mesmo sendo a sua última prova com esse motor, dificilmente sua DKW será competitiva. Motores de 2 tempos muito mexidos trabalham no limite do limite, e mesmo na época quebravam muito… Peças novas são caras e difíceis de encontar, acho que até mesmo naquele teu amigo da Alemanha.
    Pergunta de amigo: Mesmo amando este carro, vale a pena continuar competindo com ele? Se é apenas pra participar, marcar presença, homenagear nossos heróis do passado, tudo bem, vale o amor e pronto. Se for para competir, é bom repensar o regulamento. Os carros todos que andam lá pouco tem de originais, talvez o seu seja o único.

  21. ROBOCOP says:

    Caro FG, parabéns pelo ótimo desempenho do seu Karango. Acompanhei todo o esbanjo de potência derramado pela reta oposta e reta dos boxes, já que me encontrava no posto 20 da ISR. Abraços e até dia 01/04

  22. artur says:

    melhor sabado impossivel. box cheio degente legal , carros maravilhosos ecorrida das boas.agradeco ao flavio pela recepcao e pela pilotagem com 1 dkw original. alavanca original na coluna e demais!!!! vou na proxima tambem!

  23. Flavio Chinini says:

    Flavio Gomes, quantas pessoas fazem parte da sua equipe, na D1? Quem são eles?

  24. Mick says:

    Falando sério: último não, tinham 4 caras sem tempo atrás de FG no grid.

  25. tohmé says:

    Amigos,
    Quem não foi a Interlagos no sábado perdeu um grande evento. Máquinas lindas (um passat impecável), o Flávio em último, mas suportando o calor que beirava os 37 graus. Aliás, pode não andar muito o belo DKW. Porém nada ronca tão gostoso quanto o motorzinho 2 tempor. E mais, acredito que seja o único que não perdeu potência com as condições insalubres da prova. Tá certo que não é tanta potência assim. Abraços a todos. Ah, além dos carros, é uma grande oportunidade para ver Jan Balder, Francisco Lameirão e outros.

  26. valmir chicarolli says:

    Contesto a afirmação que o carro mais bonito era o passat. ele era muito bonito, mas não chegava perto do bianco gulf que estava no box 11. Lembrava muito os porsches e GT’s 40 famosos da década de 70. Outro destaque é a dupla de corcel que correu com AP (acho) e rodas do audi.

    Destaque negativo para o papelão de domingo de manhã, no resgate da formula são paulo, no S . Tá sabendo o que aconteceu flávio?

  27. Thiago Amorim says:

    Cara..em ultimo!?!?!?tu tá bração hein..
    tu vai ter q se transformar com o capmug na cabeça hein!!!!vai procurar inspiração no schummy..senna…prost…hahahahhaha…mas tu vai ter q andar na frente hein!!!!hahah
    abraçooooooooo

  28. Gustavo says:

    Luta inglória Gomes, se um bom motor, desdenhando a tradição, continuará andando sozinho na pista.
    Boa sorte na próxima!

  29. Bielzito says:

    Bom Gomes a proxima data vai ser interresante dia 1 de Abril quem sabe vc pode chegar e fala EU GANHEI RSRSRS

  30. Felipe Montanheiro says:

    Foi muito bom!!!
    Passar o dia inteiro em Interlagos, andar por todas as instalações da pista e ver os mais belos e “furiosos” carros, foi uma satisfação, e digo mais Flávio, o churrasco tá marcado. Marcaremos a data certa e se for possível, você vai conhecer Itupeva…rsrsrs.

    Abraços,
    Felipe Montanheiro.

  31. Askjao says:

    Rafael Ramos, se vc sair dai hoje ainda dá tempo de ver o FG andando…

  32. Flavio Chinini says:

    Sérgio, você disse que dividiu uma curva com o Flavio Gomes (DKW), à quase 200 km/h? Foi isso que eu entendi?

  33. Rafael Ramos says:

    Poxa, queria muito ir ver essas corridas mas moro em Fortaleza :/

  34. Sergio Spagnolo says:

    Caros Blogueiros,

    Lembro-me como se fosse hoje, a primeira vez que o meu fiofó trancou….não passava nem uma agulha….
    Estava eu, dirigindo meu Karmann Ghia 68, no final da reta dos boxes, quando dividí a freada com o Flavinho. Burro eu, estava esperando a luz de freio dele acender para fazer a ultrapassagem…. só que o q vc´s não sabem é q o DKW do Flavinho faz as curvas quase com o pé colado, e eu por pouco não mando nós dois pra casa du caray!!! Quando vc está dentro de um carro, a mais de 200 por hora, a boca seca, as mãos suam, os dentes se apertam uns contra os outros, e vc quer mais, muito mais, e não importa o carro.
    Os DKW´s são a pura reprodução de uma história que certamente nunca mais voltará, pois é muito difícil encontrar peças, e naquela época, a equipe Vemag tinha uns 20 motores, preparados pela fábrica, esperando as quebras que fatalmente aconteceriam.
    No fundo, não importa quem ganha ou perde, o que importa é o excelente clima que vive hoje a APTA e a beleza das nossas corridas, com carros diversos e um grid bem formado. E espero que todos os blogueiros que gostam das mesmas coisas que nós, possam um dia presenciar de perto o clima de nossas corridas. É de graça!!! e a próxima será dia 1 de abril ( e não é mentira), por volta das 12:00 hs.

    Abraço a todos.

    Sergio Spagnolo

  35. Flavio Chinini says:

    Flavio Gomes, quando você cruzar a linha de chegada, veja este site, achei muito legal. Fala sobre corridas de DKW na África do Sul: http://www.dyna.co.za/cars/racing2.htm

  36. Rikho says:

    Pô, Flávio, assim nao dá! Vai acabar pilotando na GP Masters, assim! :-)

  37. Alex Yoong says:

    Ainda bem que não tem os 107% do melhor tempo na qualificação, né FG…. Na D1, devem ser 1007%…

  38. Marco says:

    Pois eu acho que o resultado da corrida so’ comprova que vc e’ bom piloto. Na chuva, quando o que conta e’ braco, vc nao foi o ultimo. Ou seja, tirou mais do que o carrinho pode. Abracos!

  39. Fernando Enns says:

    Fica Frio Flávio….Os últimos serão os primeiros!!! hehehehe

  40. Flavio Chinini says:

    Grande resultado!!! Tá compensando continuar correndo?

  41. Alexandre Reis says:

    Caraca, lindo o carro !!!!!!!
    Sobre a corrida vou lhe poupar tá.

  42. bruno mantovani says:

    e o box 21 era o q tinha mais público……sem contar o grid mais cheio do paulista!!!

  43. Askjao says:

    FG, vc toma alguma droga para não dormir quando “pilota” o DKW??? Cara, troca o motor não… troca o carro.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *