MENU

Thursday, 15 de October de 2009 - 14:32F-1

1 CHOPPS, 3 PASTEL

SÃO PAULO (anuncie aqui) – Itaipava nas laterais e no aerofólio, Banco do Brasil na asa dianteira, Mapfre (seguradora espanhola com forte presença por aqui) na tomada de ar… O GP do Brasil está rendendo à Brawn, e o time deve agradecer a Barrichello, que também está enchendo as burras no fim de semana.

Certo ele, aproveita o bom momento. Rubens nunca teve grandes patrocinadores pessoais desde os tempos da Arisco e, ainda na Jordan, da Pepsi, Antenas Santa Rita, Ruffle’s e alguns outros.

Na Ferrari, Barrichello chegou a ter um pequeno patrocínio da Net atrás do boné (quem é que aprovou aquilo?, me pergunto até hoje…) e, depois, desencanou porque ganhava bem e não precisava complementar a renda como nós, mortais, com um bico aqui e outro ali.

Agora, além de levar esse monte de patrocinadores novos para o time, Rubens ainda tem Batavo no capacete, graças à sua corintianice explícita.

O mundo dá voltas.

38 comentários

  1. Leonardo says:

    Tem o TNT na asa traseira e nas laterais dos retrovisores
    mas a TNT eh do mesmo grupo da cervejaria da Itaipava.
    Alias muito mal aproveitado esse do BB, nem aparece por causa daquela asinha na frente do aerofolio principal, deveriam ter pintado aquilo tambem como sobreposicao como eh nas Red Bulls, quer dizer RBR, ou terem colocado bem no canto como o da AT&T na Williams, mas isto é coisa pros marketeiros do BB

    FG, eu li um artigo a alguns anos atras, que divulgava quais eram e o quanto $ era os patrocinios pessoais dos pilotos da F1 naquela temporada, se nao e engano foi na de 2005, e o Rubens estava entre os que mais ganhava, porem estes patrocinios pessoais dele eram os mesmos da Ferrari, (Marlboro [no tempo que fumar nao era pecado], AMD,…) era soh mais espacos no macacao, capacete e comerciais. Se achar o link depois posto aqui

  2. Sidimar Bucchioni says:

    A itaipava tambem poderia patrocinar as nossas categorias, aqui do Campeonato Paulista, a Classic e a Marcas e Piloto.
    Um abraço FG,

  3. Leonardo Vechi says:

    Então, a Brawn vai correr feito a camisa do corinthians… patrocionio pra tudo que é lado! Resumindo, feia pra c#$^%&$!!!!

  4. pedrin says:

    TNT no aerofolio tb eh novo.. brawn ta ate parecendo equipe brasileira..

  5. Roberto says:

    Olha Petrópolis aí gente !!!

  6. Não ia ter aquele tal TNT? Se bem que propaganda é uma m*&%$…

  7. Torresmo says:

    Típico carro de corinthiano, só falta o Rubens usar o patrocínio do Avanço na axila!

  8. Rafael Freitas says:

    Mas que coisa!!! se aumentarem a taxa de juros do meu consignado, vou mandar o BB cobrar do RB… aliás, um abraço a todos os professores do Brasil neste dia 15 de Outubro que, como eu, tentam construir um futuro melhor!!!

  9. Léo Engelmann says:

    É o (d)efeito Rubens Barrichello. Correndo no Brasil, único brasileiro na prova,… Se alguém quiser, tente marcar o tempo que a Globo vai mostrar o Rubens na prova. 1h10 de prova, quantos minutos o carro do Rubinho vai aparecer?

  10. Wilson says:

    Para o Rubinho alcançar o Butoon são 14 pontos
    Para o Vettel alcançar o Rubinho são só 2 pontos…
    Vou tomar uma Itaipava !!!!!!!!

  11. Rfonseca says:

    Engraçado mesmo é a Itaipava colocar o Button guiando o carro e não o Barrichelo em seus anuncios

  12. Mario says:

    Gomes, quem se deu bem mesmo foi a Petrobras, hein? “Grande Premio Petrobras de F1” é de lascar. Se a Petrobras não anunciasse na Globo, como o Galvão iria dizer o nome do GP? “Grande Prêmio PBR de F1”, decerto!

  13. Paulo Renato says:

    Peraí… RBR é o nome do clã que eu participo no Project Reality, que é um MOD do jogo Battlefield 2.

    Então nada contra, de minha parte, pelo fato de a “toda poderosa” ficar repetindo RBR pra cá e RBR pra lá. Tudo certo.

    Ah, sim. Interessante a Itaipava: em todas as publicações, utiliza a foto de Jenson Button ao invés de usar a de Barrichello. O que será que a marca tem contra o brasileiro?

    É só uma pergunta, e perguntar não ofende.

    Abraços.

  14. Danillo says:

    O patrocínio da NET foi na época que a Globo era acionista majoritária da empresa de tv a cabo. Deve ter sido o Galvão q

  15. J. Alves says:

    Agora só faltam as telhas Brasilit, hehe…

    Não me espantaria se a Globo tampasse o logo com trucagem digital, só por que é patrocinada por outra marca. RBR é de matar, deveriam processar a Globo. Tão bastando os tubos, produzindo um carro decente, que ganha corridas e disputando até o fim, e aí vem mané e se recusa a dizer o nome da equipe? Sacanagem.

  16. Ney says:

    Aff, dois tons de amarelo. Que beleza…

  17. Ney says:

    Teve Duracell tbm este ano, que, por acaso, não durou quase nada. Com perdão do trocadilho.

  18. Marco Silva says:

    Flávio

    Faltou o Banco do Brasil na asa dianteira! Veja que só uma das asas tem o patrocínio.

    Abraços

  19. Esse amarelo do Banco do Brasil com o amarelo marca texto ficou ridículo! poderiam fazer o fundo azul marinho e as letras em amarelo!

    Pelo menos agora a Brawn parece um carro de corrida… mas nada como os lindos carros da Nascar!

  20. dcoelho says:

    Me lembrou a Forti Corse de 1995. Na época em que o DIniz corria lá, levou patrocínio do Pão de Açucar, Parmalat (é italiana, mas tinha muito mercado no Brasil), Sadia…

    • Eric says:

      NA VERDADE,o patrocinio era do Pão de Açucar…o resto era permuta das marcas para o Pão de açucar aumentar o share em todas as suas lojas…

      Tinha loja que só tinha Parmalat….

  21. Jayme says:

    Ficou bem varzeano que nem a camisa do “curintia” só faltou a bozzano e pintar essa merda de roxo.

  22. muito legal, fazia tempo que não via patrocínios brasileiros tão explícitos assim em um carro de F1.

  23. DENISON says:

    E ele ainda conseguiu outro patrocinador paras até o fim de 2009: Grupo MAPFRE.

    O brasileiro Rubens Barrichello foi escolhido pelo Grupo MAPFRE para divulgar a marca da empresa até o final da temporada 2009 de Fórmula 1. O piloto da Brawn GP estampará o logotipo do segmento MAPFRE Seguros em seu boné já no GP Brasil, penúltima etapa do ano. A marca também será exposta nos dois carro Brawn GP em Interlagos, na carenagem que cobre o motor.

    “São muitos os valores que o Rubinho Barrichello e o grupo compartilham. Por isso, essa parceria é reconhecida por nós como uma grande conquista para fortalecer a nossa marca no Brasil. Temos convicção que a garra, a persistência e o sucesso do Rubinho são fatores motivadores para todos os brasileiros e vão ao encontro dos nossos valores também”. Antonio Cássio dos Santos, presidente Grupo MAPFRE Brasil

    “Estou muito feliz com essa parceria fechada, mostrando o reconhecimento de um ano vencedor e de muito trabalho duro meu e da equipe. Além disso, indica a Formula 1 como um importante meio de comunicação e relacionamento de grandes marcas, como a do Grupo MAPFRE, entre outras. Irei dar o máximo de mim e tirar tudo de bom que o carro tem “, destacou Barrichello.

    http://amigosdavelocidade.uol.com.br/index.php?action=showDetails&id=1559

  24. Earth Dreams says:

    Antenas Santa Rita já patrocinou até o Maguila. Alguém lembra?

  25. Paulo Vitorino says:

    Cervejaria Itaipava com grande exposição durante todo o final de semana da corrida, mais até do que a Schin que é uma das patrocinadoras da Globo…. Se Barrichello realmente for pra Williams, será que consegue levar algum patrocínio para lá também?

  26. Andre Luis says:

    O patrocinio é so dele ou Button tb leva no carro as logos??

  27. Ernesto says:

    Da (ruim) Itaipava já estava sabendo.

    Mas a Mapfre!?

    Banco do Brasil?!?

    PQP!

  28. Mário Mesquita says:

    Eu bebo Itaipava por opção, logo vou abrir algumas durante o GP. Ridiculo a AmBev, um gigante não patrocinar nada. Tiraram a industria do tabaco para isso? Eu não fumo, mas acho que pelo menos eles usavam o dinheiro em coisas interessantes como esportes e musica. Quem não foi a um Hollywood Rock? Agora temos corridas no Usbequitão, Nepal, na casa do chapéu, para que? Pra quem foi bom?

  29. Jaison says:

    OHH Gomes! Tá errado, na sequência tem que ser:
    2 CHOPPS, 3 PASTEL
    No final tá todo mundo bêbado e com azia!

  30. Danilo Araujo says:

    Achei excelente a atitude da Batavo em patrociná-lo depois da mídia gratuita que o Rubinho deu à empresa chegando aos autódromos com a camisa do Corinthians. Essa empresa (“Beatgrandmother” como diria @joelnacopa) ganhou muitos pontos comigo. Poderia ficar quietinha e continuar se aproveitando da exposição gratuita. Diferente de certas emissoras que falam RBR, STR, e omitem os patrocinadores dos clubes de volley, numa atitude vergonhosa.

  31. André says:

    Como funciona essa questão dos patrocínios? quanto fica pro piloto e quanto vai pra equipe em média? Se foi o Rubens quem trouxe o patrocínio pra equipe, o Button leva algum $ também? Rola de explicar essa parada?

  32. Gabriel, o Pensador says:

    É, a Brawn se deu bem no Brasil, mas o brasileiro Barrichello não terá a mesma sorte na Brawn…

  33. Quando o pessoal do BB me ligar cobrando o empréstimo vencido, vou mandar eles tomarem… na asa dianteira da Brawn!

  34. Baroni says:

    Particularmente, prefiro “chopps” da Brahma, mas na falta de…Vai de Itaipava “mermo”.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *