FOTO DO DIA | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

quarta-feira, 28 de março de 2012 - 17:07Automobilismo brasileiro, Foto do dia

FOTO DO DIA

Enviada pelo blogueiro de nome mais espetacular que temos, Adonis Spyridon Beatrice Lykouropoulos. A blogaiada identifica essa turma?

40 comentários

  1. Ola, gostaria de saber como posso postar a foto, se o Flavio Gomes ou alguem me orientar, tentei colar e não cosegui, alguem pode me ajudar. Abraços

  2. Ola Huguinho, td bem cara? É essa e o transcorrer nermal da vida ne? Estava em viagem, e essa semana 17/09 em diante vou postar algumas fotos daquela epoca. Bom saber de vc. É, fui para a Speed, depois fiz mil milhas com um Audi Spader com o Zanini, ai fui fazer corridas longas na Granja Vianna de Kart, inclusive eu e o Greguinho fomos parceiro de equipe em uma dessas corridas. Agora moro em SJ dos Campos, trabalho em um Estaleiro e fabricamos Veleiros. Bom saber de vc e desse monte de gente que curtiu a 5000. Abraços a todos. Saudades do Sr. Hugo, mais a vida é assim mesmo ne? Tenho inclusive um podio com ele, ele por ser o piloto mais velho e a Marlene por ser a unica mulher a correr na categoria, vou postar essa foto tbem, ta bom? Abraços.

    • hugo guidini disse:

      É uma grande alegria saber de vc. Eu moro no litoral, mas meu negócio não são barcos….adoro uma barca…rs . Eu corri a ultima de 5000, e duas mil milhas com o meu pai, depois que ele faleceu fiquei nove anos sem aparecer em interlagos, mas um belo dia comprei um opala do Sergio di Genova e corri de força livre e Super Stock….fiz mais uma mil milhas e depois andei de omega. Agora chega….rssss
      Ainda mantenho contato com O Arnaldo Di Genova, irmão do Sérgio, mas infelizmente o Sr Arnaldo tbem faleceu. Mande algumas fotos por e mail p mim. hugo1964@bol.com.br
      Grande abraço

  3. mario parussolo filho disse:

    Oi pessoal, corri todo esse tempo nessa categoria, em qto ela viveu, e na foto o sexto carro é do Serginho SoSo escapamentos e o setimo sou eu com o Maverick que comprei do Walter Grosso, apanhei mto ate chegar mais na ponta, meu carro não tinha a terceira marcha, que acho que era do Dodjão, então eu fazia a curva 3 em quarta marcha e subia sem força para o cafe, se colocasse a terceira marcha..exploderia o motor, esguelava e não tinha tbem o disco de frecção acho que era da C 10, qdo fiz essas modificações fui tbem la pra frente, Greguinho um grande abraço a vc, do Serjão, Tagashira inclusive qdo ele morreu estava com ele em Manaus, Sr.Hugo, Caligula ese eu sabia que ja se foram, mais o magrelo e alegre Jõao Videira, eu não sabia. Vou postar alguma fotos da epoca tbem, inclusive eu liderando um das provas com uma gang de loucos atraz, e em segundo esta o Serginho SoSo. Abç a todos

  4. Hugo Guidini disse:

    Grande Foto Adonis. Acho que o segundo carro não é do Edmilson Santilli e sim do Walter Grosso, este sim que corria de Maverick Verde, o Edmilson corria nessa época de maverick azul que depois foi pintado de azul e branco.
    Falando em reliquias, será que não tem uma foto do meu pai, do Maverick 47 vermelho com capota branca. (1993)
    Parabens pelo seu carro de corridas, ficou lindo.
    Abraços
    Huguinho

  5. Hugo Guidini disse:

    Grande Adonis. O Segundo carro (maverick verde) não seriia do Walter Grosso? Pelo que me lembro o maverick azul era do Edimilson Santilli. será que nos seu guardados, nas sua reliquias vc não tem nenhuma foto de 1983 do maverick do meu pai, numero 47, vermelho com capota branca?
    Grande abraço
    Hugo Guidini ( huguinho)

  6. evandro disse:

    Eu frequentava todas as corridas ajudando um amigo (Gian Carlo Lardeira)que pilotava o dodge charger nº2,era fantastico as primeiras voltas ver cerca de 30 v8 passando a pleno na reta,ver as rodas dianteiras internas no ar na curva1 sairem do chão,lembro da galaxi branco do caligula batendo no muro em frente a arquibancada ,arrancando o tanque de combustivel e deixando um rastro de fogo.
    Que saudades

  7. ricardo hanser disse:

    Um grande amigo do meu Pai corria essa categoria, o nome dele João Videira (Marreco), correu algumas vezes para o Camilo da Escuderia Lobo, mas também com um Galax Branco e com uma Dogde esardeado.
    Como era legal assitir de cima dos boxes, onde se via o anel todo, e essa era normalmente a ultima categoria do dia, antes inha os Fiats, Arrancadas, Fuscas entre outras…saudades, inclusive do João que já se foi.

  8. Joannis disse:

    Apenas para completar,esta não e a curva do cafe e sim a curva da junção do traçado antigo ,parece o cafe mas não e,o cafe esta a uns 200mts a frente ,era quase linha reta feita pelo anel externo.

  9. Joannis disse:

    Ola Turma

    E o seguinte, a foto enviada pelo meu Irmão ja diz tudo, e oseu irmão Joannis Lykouropoulos ( Greguinho ) em primeiro depois o Edmilson Santili,Adalberto Tagashira, Roberto Francki, Herman Ferraz e Sérgio Bernardo. Turismo 5000, 1983.
    Saudades desta categoria veloz e romantica.

    abraços a todos

  10. Fernando disse:

    Essa o Adonis desenterrou……..muito boa.

  11. borduna disse:

    baita fotografia, pelo alinhamento dos carros, pelo ponto perfeito escolhido na curva, e pela curva – põ, mas esse é o café, olha só como era, aliás nem se usava esse nome nessa época, creio. a faixa que sinalizava a entrada dos boxes começava mais adiante desse ponto.
    nunca soube de merda nenhuma nessa curva nos anos 70, 80 e 90. e também fazia sol assim como chovia naqueles tempos – e, óbvio, as velocidades eram suficientes pra se correr riscos sérios. viver é perigoso.

  12. ederval disse:

    Foto maravilhosa fiquei até emocionado, lembrei de meu velho que participou de algumas provas de opala bem antes dessa foto, acompanhamos algumas provas da 5000 de dentro dos boxes pois meu pai tinha um sócio que era cunhado do Ney Faustini que inclusive presenciamos uma vitória dele de Maverick.

  13. Fabiano Guimarães disse:

    Simples assim:
    Johannes Likoroupoulos(preparação Camillo e não pilotagem), Edmilson Santilli, Adalberto Tagashira, Roberto Francki, Herman Ferraz e Sérgio Bernardo. Turismo 5000, 1983.

  14. enko disse:

    o nome nos para-brisas não são os dos pilotos e sim dos prepararadores.
    o primeiro é o camilinho cristofaro, o segundo é o edmilson santilli, provavelmente o joanis likoroupolus, (greguinho), estava aí no meio junto com o de genova, o tagashira, caligula e outros que agora não me recordo.
    história contada pelo próprio greguinho: ele com um carro inferior de pau no camilinho, o camilão o convidou para andar na equipe lobo, ao desmontar o motor do grego, chamou o filho e perguntou se ele não tinha vergonha de perder para um cara que nem óleo trocava do motor
    o grego acabou correndo de graça para o velho lobo. pelo menos foi o que ele me contou um dia na oficina da barra funda.

  15. Alan Magalhaes disse:

    Vou perguntar pro Heymar aqui na redação, ele andava nessas cadeiras elétricas, de Dojão. Eram demais! Coisa de maluco mesmo.

  16. Mauricio disse:

    Ta dando pra ler no para-brisas do primeiro e terceiro carros> Cristofaro e Paulinho

    O resto é mistério pra mim, apesar de ter certeza que já assisti um pega desses. O rondo dos motores era absurdo.

    Ainda ontem um carros destes passou por mim aqui no Rio, Rua da Candelária esquina com República do Uruguai, 18:30hs. Era azul e muito lindo, mas o que arrepiou foi o velho ronco do V8 usando um escape aberto. É animal demais!

  17. Carlos Trivellato disse:

    Que bela foto! Nessa o fotógrafo foi realmente muito feliz.

  18. Rodrigo Lombardi disse:

    O verde, segundo na fila, é dos irmãos Santilli, filhos de Waldemar Santilli, o primo de Alfredo Santilli, aquele das carreteiras.

    Os irmão até hoje estão na empresa da família, a Retífica Eclipse, na Lapa.
    Os dois são muito gente boa, mas não têm mais nenhum saco pra corrida.
    Mesmo assim, 90% dos preparadores de 302 atuais levam seus motores lá.
    Os caras são muito feras.

  19. disse:

    Então, e o Café coitado, virou chicane. Sera que nem no seco os caras poderiam usar? Deixando quando chove para evitar acidentes graves com os carros Stock e Montana, os mais frágeis.

  20. Claudio Ceregatti disse:

    Foste gentil, FG.
    Turma não, bando de loucos.
    Correr de Turismo 5000 pelo anel externo do Templo era uma temeridade em si só.
    Ronco lindo, mas carros sujos, feios & malvados.
    Verdadeira acepção de “cadeira elétrica”.
    Culhões não eram suficientes, todos tinham. O que não tinham era noção do perigo.
    Da turma não identifico ninguém.
    Mas a curva sim.
    Início da Curva do Café (de hoje) ou Curva dos Boxes (de ontem), já na parte plana, logo que termina a subida.
    “A Famigerada”
    Possível de reconhecer pela paisagem ao fundo, pelo muro que cansei de pular, pela planicidade diferente da Curva 3, em descida e com os guard-rails mais afastados um tanto.
    Reparem na traseira empurrando a frente do ponteiro.
    Reparem na barca azul rolando (inclinando) exageradamente.
    E nos demais embutidos, cada um deles babando na gravata, a bordo de um carro improvável: Ruim de curva, de freio, de balanço, de handling.
    Verdadeira Procissão dos Insensatos.
    Só de imaginar o Finottão a bordo de um desses já me cago…
    Abraços ao insensato pai e ao sensato filho.
    E um abraço a voce.

  21. Roberto Fróes disse:

    Quem são eu não sei, como não sei se o Finotti estava lá ou não.
    O que sei é que a foto é sensacional!

  22. meu pai esta ai eu estava na arquibancada muitobom este tempo da muitas saudades

  23. Victor Leonidas disse:

    Essa tá fácil… Vamos lá, pela ordem da foto:

    1 – Reinaldo Hernandez
    2 – Hamilton Roschel
    3 – Edilson Hiluey
    4 – Amiltinho Roschel
    5 – Eduardo Lioi
    6 – David Brunstein

    E o sétimo Maverick lá atrás é o André Carrillo metendo uma volta em todo mundo !

    Brincadeiras a parte, seria legal se a Históricos V8 de hoje voltasse a ter um grid como esse.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>